Links de Acesso

Comité Central do MPLA suspende e instaura processo a Tchizé dos Santos


Welwitschia dos Santos tem feito críticas a João Lourenço

A deputada do MPLA, Welwitschia José dos Santos “Tchizé”, foi suspensa do Comité Central do partido no poder, numa decisão tomada nesta sexta-feira, 7, por aquele órgão.

“O Comité Central aprovou a instauração de um processo disciplinar e a aplicação da medida de suspensão da qualidade de membro do Comité Central, de acordo com o artigo 35º. dos Estatutos do MPLA, a camarada Welwitschia José dos Santos ´Tchizé´, membro deste órgão, pela conduta que atenta contra as regras de disciplina à luz dos Estatutos e do Código de Ética Partidária”, lê-se no comunicado.

A filha do antigo Presidente José Eduardo dos Santos, que se encontra há vários meses fora de Angola, tem feito duras críticas ao Chefe de Estado, João Lourenço.

"Está a haver um crime contra o Estado. Isto é um caso para 'impeachment'. Este Presidente da República merece um 'impeachment'", disse em Maio Welwitschea 'Tchizé' dos Santos, que disse ter recebido constantemente ameaças do partido no poder, situação que a mesma considera em "abuso de poder".

Noutras ocasiões, a deputada afirmou que já não se revê na actual liderança e na estrutura interna do seu partido e acusou Lourenço de perseguir os familiares do antigo Presidente.

Numa das reacções, Mário Pinto de Andrade, porta-voz do MPLA, desvalorizou os comentários de Tchizé dos Santos que, segundo ele, não conhece a Constituição e convidou a deputada a fazer as suas críticas em foro político, no comité do partido.

Para Pinto de Andrade Tchizé dos Santos disse "baboseiras" e os comentários que fez não fazem "faísca" e não "têm influência nenhuma".

Já para Paulo Pombolo, o partido tem órgãos próprios e vai analisar as
declarações da filha do ex-Presidente José Eduardo dos Santos à luz
dos estatutos partidários.

Quem também reagiu foi o Presidente João Lourenço que se referiu apenas às faltas da deputada ao à Assembleia Nacional, dizendo que o assunto teria de ser resolvido pelo Parlamento.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG