Links de Acesso

Coligação árabe pode estar a caminho da Síria


Douma, cidade destruída

A ideia é impulsionado por assessores de Donald Trump

O Conselheiro de Segurança do Presidente americano John Bolton e o actual director da CIA (Centro de Inteligência Americana), e indicado para secretário de Estado, Mike Pompeo, deram a início a contactos para a criação de uma força militar conjunta árabe na Síria.

A cadeia televisiva americana CNN, que avançou com a notícia, cita fontes da Casa Branca como tendo dito que Bolton e Pompeio estão a sugerir ao Presidente que peça aos países árabes aliados que integrem uma força militar síria.

A ideia é que esses países defendam os seus próprios interesses na região, bem como os dos Estados Unidos, sem que tal implicasse um esforço maior das tropas americanas.

Arábia Saudita, que já se mostrou interessado numa maior intervenção na Síria, poderia integrar a coligação, juntamente com Jordânia, Omã e Qatar.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG