Links de Acesso

Colapso de prédio em Miami: agora são quatro mortes e 159 desaparecidos


Vista aéreo da parte do prédio que colapsou em Miami

Centro e 30 bombeiros trabalham nos escombros do prédio que tinha 55 apartamentos

Aumentou para quatro o número de mortos resultantes do colapso parcial de um prédio de apartamentos ontem em Miami Beach, mais precisamente na área de Surfside.

O total de desaparecidos também aumentou para 159.

Raide Jadallah, chefe assistente dos Bombeiros, que tem 130 homens no local, indicou que o prédio foi passado a pente fino para que as operações de resgate possam se concentrar nos escombros do edifício que tinha 55 apartamentos.

O director da Polícia de Miami-Dade, Freddy Ramirez, indicou, por seu lado, estar a trabalhar com o gabinete de medicina legal para identificar os quatro corpos encontrados.

O jornal Washington Post cita um estudo realizado no ano passado que indicou que o prédio foi construído em áreas húmidas conquistadas ao mar e que a base vem enfrentando um afundamento gradual desde a década de 1990.

Mas, por agora, não há qualquer ligação desse dada com o incidente, cujas causas não foram reveladas.

O Presidente Joe Biden aprovou uma declaração de emergência que permite à Agência Federal de Emergências (FEMA, na sigla em inglês) coordenar os esforços de socorro e disponibilizar fundos adicionais.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG