Links de Acesso

Chuva "boicota" manifestação de solidariedade às vítimas do naufrágio em Príncipe


Nove pessoas morreram e há nove desaparecidas

A chuva contribuiu para que manifestação dos habitantes da ilha são-tomense do Príncipe marcada para esta terça-feira, 30, tenha sido sem expressão, com poucas pessoas a participarem.

Os organizadores pretendiam pedir ao Governo do arquipélago que resolva definitivamente o problema da ligação entre as duas ilhas que, feita de embarcações de má qualidade, tem sido marcada por naufrágios, como o do passado dia 25 em que oito pessoas morreram e nova ainda estão dadas como desaparecidas.

Uma fonte do Governo Regional indicou que os poucos participantes marcharam pela cidade de Santo António e deitaram no mar ramos de flores em sinal de homenagem às vítimas.

O navio Anfitriti naufragou quando fazia a travessia entre Príncipe e São Tomé, com 72 pessoas a bordo.

O Governo do Príncipe declarou luto nacional de três dias e o Presidente da República, Evaristo Carvalho, e o primeiro-ministro, Jorge Bom Jesus, visitaram a ilha e prometeram tomar medidas.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG