Links de Acesso

Califórnia: 23 pessoas mortas, dezenas desaparecidas - incêndios duram há três dias


Agentes da polícia recolhem restos mortais de uma vítima do incêndia Camp Fire, em Paradise, Califórnia. 10 Novembro 2018

Fogos florestais continuam a devastar a Califórnia, neste Domingo, 11 de Novembro, com poucos focos controlados e severas condições atmosféricas de ventos secos a contribuir para uma situação trágica que já aponta este como o pior incêndio da história do Estado.

O número de mortos já atingiu os 23 e as autoridades acreditam que vai aumentar, à medida que as equipas de resgate chegam a regiões que já estão em ruínas.

Woolsey Fire em Malibu, Califórnia, 9 Novembro, 2018.
Woolsey Fire em Malibu, Califórnia, 9 Novembro, 2018.

Milhares de pessoas abandonaram as suas casas com o mínimo, para poderem escapar aos fogos.

As autoridades dizem que um dos focos está controlado a 20 por cento e um outro apenas em 5 por cento.

As autoridades identificaram três focos (Camp Fire, Woolsey Fire e Hill Fire) - Camp Fire além de ser o mais destrutivo da história da Califórnia é o terceiro mais mortal.

Desde que o incêndio deflagrou, na quinta-feira, 8 de Novembro, 23 pessoas morreram, mais de seis mil casas e 260 estruturas comerciais foram destruídas e dezenas de pessoas estão desaparecidas.

Woolsey Fire em Malibu, California, 9 Novembro, 2018.
Woolsey Fire em Malibu, California, 9 Novembro, 2018.

Um dos focos deste incêndio de porpoções gigantecas deflagrou inicialmente no condado de Ventura, onde 12 pessoas foram mortas num tiroteio na noite de quarta-feira, 7 de Novembro.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG