Links de Acesso

Cabo Verde vai ter capacidade para fazer testes ao novo coronavírus


Arlindo do Rosário, ministro da Saúde

O ministro da Saúde de Cabo Verde revelou que o Laboratório Nacional de Virologia passará a realizar testes ao novo coronavírus a partir do final da segunda semana de Março e vai vai ter capacidade para despistar casos de outras doenças, como dengue e zika.

“O nosso laboratório está preparado para casos de arboviroses como é o caso da dengue e do zika, mas como este é o caso de um vírus novo teria de haver, em termos técnicos e de preparação, um upgrade, que está a ser feito”, garantiu Arlindo do Rosário em conferência de imprensa nesta sexta-feira, 6, na cidade da Praia.

Rosário indicou ainda que, além do laboratório que e do controlo que tem sido feito das pessoas que chegam de países com casos de coronavírus, o Governo já mobilizou cerca de 750 mil dólares em todos os ministérios para fazer frente às demandas, contratou cerca de 100 profissionais de saúde e assinou contratos para a compra de equipamentos médico-hospitalares.

O governante também confirmou a notícia avançada ontem pelo filho do escritor Germano Almeida de que o teste ao novo coronavírus foi negativo.

Almeida foi, até ao momento, o único caso suspeito no país.

O Prémio Camões foi internado para exames e colocado em quarentena em casa depois de regressar de Portugal, onde manteve contato com o colega chileno Luiz Sepúlveda, que depois veio a confirmar-se estar infetado.

"Cabo Verde mantém-se sem qualquer caso de infecção", garantiu Arlindo do Rosário.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG