Links de Acesso

Cabo Verde: Parte da droga apreendida era "provavelmente destinada" ao mercado irlandês


Cocaína apreendida em Cabo Verde, 31 de Janeiro de 2019

Uma fonte da polícia irlandesa disse ao Irish Times que "é inevitável que uma boa parte da droga era destinada à Irlanda e a outros países do norte da Europa".

Uma parte "significativa" da cocaína apreendida, semana passada, em Cabo Verde, era "provavelmente destinada" ao mercado irlandês, escreve o Irish Times, citando a Gardai, polícia do país.

As cerca de dez toneladas de drogas foram apreendidas num navio de bandeira do Panamá com tripulação russa, alegadamente quando o barco atracou no porto da Praia, após a morte de um dos tripulantes.

Uma fonte da polícia irlandesa disse ao Irish Times que "é inevitável que uma boa parte da droga era destinada à Irlanda e a outros países do norte da Europa".

No entanto, escreve o jornal, não se acredita que criminosos irlandeses estivessem envolvidos no transporte das drogas da América do Sul.

Os especilaistas dizem que inteligência recolhida de operações anteriores sugere que qualquer comprador Irlandês fosse receber a sua parte na Espanha antes de transportá-la por terra ou mar até a Irlanda.

O The Sun, outro jornal irlandês, escreve que entre os prováveis clientes da mercadoria figura o cartel Kinahan, criado por Christy Kihahan, e agora gerido por seu filho Daniel.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG