Links de Acesso

Cólera provoca mais uma morte em Moçambique


Campanha de vacinação pretende alcançar 900 mil pessoas

A cólera provocou mais uma morte em Moçambique, no distrito de Nhamatanda, aumentando para sete o número de vítimas após a passagem do ciclone Idai, confirmou o Ministério da Saúde.

As autoridades confirmaram que mais de três mil e 500 pessoas têm a doença mas apenas 76 estão internadas e, na sua maioria, encontram-se estáveis.

O número de vítimas mortais continua em 602.

Residentes de Sofala recebem vacina oral contra a cólera
please wait

No media source currently available

0:00 0:01:54 0:00

Entretanto, no vizinho Zimbabwe, o Governo do Zimbabwe reviu em alta o número de mortos provocados pela passagem do ciclone Idai, que ascende agora a 344.

A ministra para a Informação, Monica Mutsvanwa, acrescentou que, pelo menos, 257 pessoas são consideradas desaparecidas no leste do país.

Com este novo dado, o balanço da passagem do ciclone Idai por Moçambique, Zimbabwe e Maláui deverá ultrapassar os mil mortos e chegar a dois milhões de feridos, de acordo com números dos governos e da ONU.

Saiba mais em Especial Ciclone Idai

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG