Links de Acesso

Burundi: Milhões votam no referendo que pode prolongar o mandato de Nkurunziza


Pierre Nkurunziza já votou.

A constituição limita o presidente a dois mandatos, mas argumenta-se que a mudança permitiria a Nkurunziza mais duas candidaturas.

Milhões de eleitores do Burundi, na África Oriental, estão a votar num referendo, que pode estender o poder do presidente Pierre Nkurunziza até 2034.

Dezenas de pessoas esperavam em filas longas fora das assembleias de voto, na capital Bujumbura e no resto do país empobrecido para votar.

Actualmente, os mandatos presidenciais são de cinco anos, mas a nova emenda daria ao presidente sete anos. A constituição limita o presidente a dois mandatos, mas argumenta-se que a mudança permitiria a Nkrunziza mais duas candidaturas.

Nkurunziza, que está no cargo desde 2005, foi eleito para um terceiro mandato de cinco anos, em 2015, quebrando o limite de dois mandatos determinado no acordo de paz no ano 2000, após uma sangrenta guerra civil.

Desde então, pelo menos, 1.200 pessoas perderam as suas vidas e mais de 400 mil fugiram do país.

Recentemente, o Burundi determinou o banimento, por seis meses, da transmissão de emissões da Voz da América e BBC, acusando-os de “conduta antiética”.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG