Links de Acesso

Bloqueio de taxistas em protesto impede abastecimento da capital são-tomense


Taxistas bloqueiam estrada que liga Lembá à capital, São Tomé e Príncipe, 20 Abril 2022

Eles protestam pela falta de intervenção das autoridades na recuperação das pontes destruídas pelas fortes chuvas dos últimos meses

Taxistas do distrito de Lembá bloquearam nesta quarta-feira, 20 ,a estrada que liga a região norte da ilha São Tomé à capital do país em protesto pela falta de intervenção das autoridades na recuperação das pontes destruídas pelas fortes chuvas dos últimos meses.

Os únicos prestadores do serviço de transportes públicos no país alegam que os pequenos arranjos feitos pelo Ministério das Obras Publicas para permitir a travessia nas pontes não foram suficientes para evitar danos nas suas viaturas.

“Criou-se uma alternativa colocando a placa principal da ponte de Ribeira Funda mesmo na foz do rio, mas os nossos carros estão a ser danificados por causa de água salgada”, reclamou o presidente da Associação dos Taxistas de Lembá, Abdulay Quitéque, adiantando que já foi solicita a intervenção das autoridades, mas até agora sem resposta.

“Por isso decidimos estacionar as nossas viaturas ao longo da estrada que liga o norte do país à capital e se o Governo não encontrar uma solução urgente para este problema seremos obrigados a voltar a aumentar o preço dos táxis para esta região, de forma a compensar os danos que estamos a sofrer”, disse outro taxista, recordando que recentemente houve um aumento devido à subida do preço dos combustíveis.

Esta situação afecta outros sectores como o comércio.

“Quem acaba sofrendo mais com tudo isto são os comerciantes e a população do distrito”, alertou uma palayê (vendedora ambulante).

O bloqueio impede também os transportes escolares de professores e alunos e o comércio e transporte de combustível para a capital.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG