Links de Acesso

Biden ouve líderes militares sobre situação na Ucrânia


Joe Biden, Presidente americano, em reunião com líderes militares, 20 Abril 2022

O Presidente americano convocou os principais dirigentes do país para uma avaliação da invasão russa da Ucrânia no momento em que Kremlin aumentou os seus ataques contra vários pontos do país.

“Quero ouvir de todos vocês e suas avaliações sobre o que estão vendo no campo e nas nossas forças”, disse Joe Biden aos líderes militares na Casa Branca antes de sua reunião.

“O ambiente estratégico está a evoluir rapidamente no mundo e isso significa que nossos planos e postura de força devem igualmente dinâmicos”, acrescentou o Presidente.

Entre mais de 20 dirigentes, estavam o secretário de Defesa Lloyd Austin, o chefe do Estado-Maior Conjunto, general Mark Milley, entre outros responsáveis de alta patente e membrosdo Conselho de Segurança Nacional.

Nesta quarta-feira, os EUA impuseram novas sanções a dezenas de outros indivíduos e entidades acusados de evadir as sanções financeiras em curso impostas a Moscou por sua invasão da Ucrânia.

“O Departamento do Tesouro sanciona o Transkapitalbank – um importante banco comercial russo que ofereceu serviços a bancos em todo o mundo para evitar sanções internacionais e mais de 40 indivíduos e entidades que fazem parte de uma rede russa de evasão de sanções liderada pelo oligarca russo Konstantin Malofeyev”, disse aos jornalistas a secretária de imprensa da Casa Branca, Jen Psaki

Psaki acrescentou que Washington também impôs sanções a empresas do sector de mineração e aplicou restrições de visto a mais de 600 indivíduos em resposta a abusos de direitos humanos por parte da Rússia e da Bielorrússia.

Na terça-feira, surgiram relatos de que o Governo americano prepara outro grande pacote de ajuda militar para a Ucrânia, próximo dos 800 milhões de dólares anunciado na semana passada e que deve incluir mais artilharia e dezenas de milhares de tiros de artilharia, o que provavelmente será determinante para os combates na região leste de Donbas.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG