Links de Acesso

Biden e Suga se comprometem a trabalhar juntos para enfrentar o desafio da China


Joe Biden e Yoshihide Suga (AP Photo/Andrew Harnik)

Biden recebeu o primeiro-ministro Yoshihide Suga para a primeira reunião cara a cara com um líder estrangeiro

O presidente dos EUA, Joe Biden, disse, na sexta-feira, 16, que ele e o primeiro-ministro japonês Yoshihide Suga estão comprometidos em trabalhar juntos para enfrentar os desafios da China e da Coreia do Norte.

O presidente fez a declaração após a sua primeira cimeira na Casa Branca, desde que assumiu o cargo.

Ele disse a repórteres depois de se encontrar com Suga que eles afirmaram o seu "apoio ferrenho à aliança EUA-Japão" e disseram que trabalhariam juntos para "enfrentar os desafios da China e em questões como o Leste da China, o Mar da China do Sul, bem como a Coreia do Norte. ”

Os dois líderes disseram numa declaração conjunta: “Nós nos opomos a qualquer tentativa unilateral de mudar o status quo no Mar da China Oriental. Reiteramos as nossas objecções às reivindicações e actividades marítimas ilegais da China no Mar do Sul da China e reafirmamos o nosso forte interesse compartilhado por um Mar do Sul da China livre e aberto regido pelo direito internacional, no qual a liberdade de navegação e sobrevoo são garantidas, de acordo com a Convenção das Nações Unidas sobre o Direito do Mar ”.

Biden chamou as discussões de "muito produtivas" e disse que os Estados Unidos e o Japão também concordaram em trabalhar juntos para apoiar os esforços globais de vacinação da COVID-19, bem como para promover novos desenvolvimentos tecnológicos, incluindo redes 5G e inteligência artificial.

Em resposta à pergunta de um repórter, Suga disse que os dois líderes discutiram Taiwan e reafirmaram a importância da "paz e estabilidade". Ele disse que não dará mais detalhes sobre a discussão de Taiwan.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG