Links de Acesso

Autoridades de Malanje em alerta na fronteira com a RDC devdo ao ébola


Avantino Sebastião, director provincial da Saúde em Malanje

O vice-governador para o Sector Político, Social e Económico da província angolana de Malanje, Domingos Manuel Eduardo, encabeça uma delegação que se encontra nesta quinta-feira, 8, no município de Massango, a avaliar formas de prevenir que a epidemia de ébola na República Democrática do Congo (RDC) chegue à província.

O director do Gabinete Provincial de Saúde, Avantino Sebastião, admitiu ter informações que confirmam o envio para aquela cidade, que dista 325 quilómetros da cidade de Malanje, de "kits de biossegurança e outros equipamentos necessários" para combater eventuais casos da doença.

Malanje faz fronteira com a RDC, através dos municípios de Massango e Marimba, numa extensão de 147 quilómetros ao longo do rio Cuango.

Naqueles dois municípios, centenas de crianças atravessam o rio e estudam no país vizinho, diariamente, e os angolanos também compram no país vizinho alimentos, serviços médicos e medicamentos.

A Organização Mundial da Saúde (OMS) que declarou o estado de emergência internacional, confirma o registo diário de 12 novos de casos de ébola na RDC e a morte de mais de 1.500 mortes desde o início da epidemia.

A OMS já alertou Angola para tomar medidas no sentido de evitar a entrada da doença no país.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG