Links de Acesso

Autor de ataque em Nova Iorque acusado de apoio ao terrorismo

  • Redacção VOA

Akayed Ullah

Akayed Ullah responderá também por posse ilegal de arma e ameaça terrorista

O homem que provocou uma explosão numa estação de metro em Nova Iorque na segunda-feira, 112, foi acusado formalmente hoje de apoio ao terrorismo.

A polícia anunciou nesta terça-feira, 12, que Akayed Ullah, de 27 anos, responderá também por posse ilegal de arma e por fazer ameaça terrorista.

Um artefato amarrado ao corpo daquele cidadãos do Bangladesh com velcro e zíperes explodiu, deixando três pessoas levemente feridas.

Ele foi internado com queimaduras e lacerações e permanece sob custódia da polícia americana.

Os investigadores disseram que Ullah confessou ter-se inspirado nos radicais do Estado Islâmico, mas não tinha contacto com o grupo terrorista.

A polícia de Bangladesh identificou a mulher do suspeito, com a qual casou-se há dois anos sem que, no entanto, a tenha levado para os Estados Unidos.

O suspeito, que vive legalmente nos Estados Unidos desde 2011, teve uma licença para dirigir táxis e limusines entre os anos de 2012 e 2015, morava com o irmão no Brooklyn e que, recentemente, fez um trabalho como electricista perto do terminal de autocarros da Port Authority, onde viria a provocou a explosão.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG