Links de Acesso

Aumento de mortes e infecções de Covid 19 causa alarme na Huíla


Imagem de arquivo de testagem para a Covid-19 em Luanda, Angola. 31 Agosto 2020

Hospital central do Lubango sob pressão face ao número crescente de pacientes recando-se o possível colpaso do sistema

Na província angolana da Huíla as autoridades sanitárias locais estão preocupadas com o aumento de óbitos e casos de covid-19 sobretudo desde o início do mês de Maio.

Aumento de casos de Covid-19 na Huíla causa preocupação – 2:06
please wait

No media source currently available

0:00 0:02:06 0:00

A província registou 14 óbitos nos últimos sete dias numa média de dois por dia para além de se assistir o aumento de internamentos de casos graves e críticos no hospital central do Lubango.

Perante o agravar da situação e o receio de colapso no sistema de saúde as autoridades sanitárias locais vão reiterando os apelos à população para que esta redobre as medidas preventivas e anunciaram a abertura de quatro novos centros de atendimento de doentes Covid-19 nos municípios de Chibia, Kuvango, Jamba e Cacula e assim tentar travar o desgaste no maior hospital da região.

“Temos que ter a capacidade de entender que o hospital central é a última linha para qualquer um de nós” disse Paulo Luvangamo responsável do departamento de Saúde Pública e Controlo de Endemias na Huíla.

“Estamos a tomar estas medidas todas exatamente para que a gente consiga fazer melhor gestão de todos esses casos, pois os os números estão a aumentar acrescentou alertando ainda para o facto de se terem registado mortes por Covid e “com 24 horas de internamento, o que não acontecia na primeira leva”.

Para o médico Nivaldino Manuel, a chegada da época seca e com ela o surgimento de várias doenças de foro respiratório exige que as unidades sanitárias tenham capacidade de diagnóstico rápido para evitar confusão.

“Vai precisar de um sistema de saúde dinâmico com capacidade de dar resposta imediata a situações para diferenciar de uma enfermidade normal e covid isso seria um teste disponível nas unidades de saúde rápido”, disse

Preocupados com a situação e perante o aumento de casos, alguns jovens locais tomaram a iniciativa de nas ruas da cidade do Lubango sensibilizarem a população a não ignorar as medidas de bio-segurança.

Depois de Luanda a província da Huíla está entre as que mais reporta casos diários positivos de covid-19 com mortes incluídas.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG