Links de Acesso

Balanço de atentados na Somália sobe para 45 mortos


Aumentou para 45 o número de mortos na sequência dos ataques na sexta-feira em Mogadíscio, capital da Somália, em dois atentados com carros-bomba contra o palácio presidencial e um hotel, segundo um novo balanço das autoridades somalis.

A primeira explosão, seguida por disparos de armas automáticas, aconteceu num posto de controlo perto da Vila Somália, a sede do governo. Pouco depois ocorreu outra explosão no hotel Doorbin.

"Posso confirmar que ocorreu um ataque perto do palácio presidencial", declarou um oficial da polícia somali, Ibrahim Mohamed. "Outro carro carregado de explosivos foi detonado perto de um hotel recém inaugurado".

O comandante das forças de segurança, Abdulahi Ahmed, afirmou que cinco criminosos foram mortos pela polícia.

O grupo extremista islâmico al-Shabab reivindicou os ataques, num comunicando online, no qual confirmou que os seus alvos eram o governo e as forças de segurança.

Nos últimos anos, o al-Shabab tem sido responsável por dezenas de ataques contra edifícios do governo, hotéis e restaurantes na capital da Somália, Mogadíscio.

Notícia actualizada às 12h45 de Washington DC:
O primeiro balanço deste sábado, 24, era de 38 mortos. As autoridades somalis informaram ao meio-dia de Washington DC que o número tinha subido para 45 mortos

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG