Links de Acesso

Ataques do Boko Haram deixa 11 mortos e 24 feridos na Nigéria

  • Redacção VOA

Três ataques coordenados com três homens-bomba

Onze pessoas morreram na sequência de um ataque do grupo extremista Boko Haram na cidade de Maiduguri, no nordeste da Nigéria, revelou a polícia desta quinta-feira, 8.

Os três ataques coordenados com homens-bomba aconteceram ontem à noite, no bairro de Jiddari Polo, revelou o chefe da polícia do Estado de Borno, Damian Chukwu, à agência France Presse.

Um dos três suicidas explodiu-se no bairro de Goni-Kachallari, depois que fiéis muçulmanos saíram da mesquita, onde dezenas de fiéis estavam reunidos para as orações do Ramadão.

"O suicida morreu, assim como outras seis pessoas", confirmou a polícia, revelando ainda que "o segundo detonou o seu cinturão de explosivos junto das Autoridades para o Desenvolvimento do Lago Chade causando três mortes, além do suicida".

Chukwu indicou ainda que terceiro atentado suicida deixou outro morto.

No total, 24 pessoas ficaram feridas.

Várias testemunhas disseram que um grupo de combatentes iniciou a ofensiva no campo de Aridawari, na periferia de Maiduguri, berço do Boko Haram.

Os vizinhos afirmaram que os rebeldes foram até uma base militar, cruzando o bairro de Jiddari Polo, de onde dispararam em todas as direcções.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG