Links de Acesso

Antigos dirigentes da LAM detidos por corrupção


O antigo presidente do Conselho Executivo das Linhas Aéreas de Moçambique (LAM), António Pinto, e o ex-administrador financeiro da empresa Hélder Fumo foram detidos ontem por alegado envolvimento num caso de corrupção, revela a imprensa moçambicana nesta quarta-feira, 23.

No mesmo processo foi também detida Mia Temporário, responsável da Executive Moçambique, entidade que gere a revista de bordo da LAM, Índico.

As detenções foram ordenadas pela 7.ª Secção Criminal do Tribunal Judicial de Maputo, sendo escassos os factos por detrás decisão judicial, de acordo com o jornal Notícias.

Por seu lado, o jornal O País escreve que a prisão decorre de um pedido do Gabinete Central de Combate à Corrupção, entidade que investiga o caso.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG