Links de Acesso

Antigo ministro moçambicano dos Transportes e Comunicações condenado por pagamentos indevidos


Paulo Zucula diz que decisão é injusta e que vai recorrer

O antigo ministro moçambicano dos Transportes e Comunicações, Paulo Zucula, foi condenado a uma pena 14 meses de prisão e ao pagamento de uma indemnização ao Estado, no valor de 1.89 milhão de Meticais, por prática de crime de pagamentos indevidos.

A sentença foi proferida nesta segunda-feira, 25, pelo Tribunal Judicial de Ka Hlamankulo, na cidade do Maputo.

Ao reagir à sentença, Zucula classificou de injusta e pondera mesmo recorrer da decisão.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG