Links de Acesso

Antigo embaixador angolano na Etiópia em prisão preventiva


PGR determina coação contra Arcanjo Maria do Nascimento

A Procuradoria-Geral da República (PGR) anunciou nesta sexta-feira, 31, ter aplicado a medida de coacção pessoal de “prisão preventiva”, ao antigo embaixador de Angola na Etiópia e junto da União Africana, Arcanjo Maria do Nascimento.

Em nota de imprensa, a PGR justifica a medida com “fortes indícios”de ter cometido os crimes de peculato, corrupção passiva e de branqueamento de capitais".

“O Ministério Público perante os novos elementos carregados no processo, con vista a salvaguardar os interesses da invesigação e por se mostrar necessária e adequada, aplicou a medida de coacção pessoal de prisão preventiva", diz a nota.

A PGR refere ainda que o acusado foi submetido a interrogatório de arguido na Direcção Nacional de Investigação e Acção Penal (DNIAP), no quadro da investigação e instrução de um processo-crime, em curso contra a sua pessoa.

Arcanjo Maria do Nascimento tinha sido exonerado pelo Presidente João Lourenço do cargo de embaixador em Addis Abeba em Outubro de 2018, função que exercia desde 2011.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG