Links de Acesso

Angola tem os maiores gastos militares da África sub sahariana


Estudo indica que Angola ultrapassou África do Sul em despesas militares que atingiram 6,1 mil milhões de dólares, quase 5% do PIB.

Angola foi o país da África subsahariana que, em 2013, mais dinheiro gastou para fins militares, revela um estudo do Instituto Internacional de Investigação para a Paz de Estocolmo.
please wait

No media source currently available

0:00 0:01:48 0:00
Faça o Download

O estudo diz que o ano passado Angola aumentou os seus gastos militares em 36%, ultrapassando a África do Sul como o país com os maiores gastos militares na África subsahariana.

Angola tornou-se também no segundo país de todo o continente africano com mais gastos militares, sendo ultrapassado apenas pela Argélia que se tornou o ano passado no primeiro país africano a ter gastos militares acima dos 10 mil milhões de dólares.

Segundo aquele instituto, os gastos militares em Angola atingiram o ano passado seis mil e 100 milhões de dólares, um aumento de 174% desde 2004, dois anos após o fim da guerra civil.

Os gastos militares de Angola e da Argélia chegam agora a 4,8 por cento do Produto Interno Bruto, a maior percentagem em África.

O Instituto Internacional de Investigação para a Paz de Estocolmo revelou que um aumento nos rendimentos do petróleo nestes dois países é uma das razões para o aumento dos gastos militares.

O estudo agora publicado não dá pormenores dos gastos. Contudo, recentemente, tem havido notícias de Angola estar a comprar sofisticado material militar.

No ano passado, por exemplo, o diário russo Vedomosti disse que Angola assinou com empresa estatal russa Rosoboronexport um contrato de mil milhões de dólares, que inclui o fornecimento de equipamento militar, a construção de uma fábrica de munições em Angola e a assistência pós-venda. Esse contrato, ainda de acordo com o diário russo, inclui o fornecimento de 18 aviões de caça Sukhoi 30, helicópteros de transporte Mi-17, tanques, peças de artilharia, armamento ligeiro e munições.

O Governo de Angola não comentou a notícia.

A assinalar que, ainda segundo o Instituto Internacional de Investigação para a Paz de Estocolmo, África foi o continente que registou o maior aumento relativo de gastos militares em 2013. O continente teve um aumento de 8,3% dos gastos militares

A sua Opinião

Mostrar Comentários

XS
SM
MD
LG