Links de Acesso

Analistas apontam corrupção como impedimento à luta contra as drogas em Moçambique


ONU diz que país é um grande corredor de drogas

As Nações Unidas afirmam que Moçambique tornou-se um corredor de grandes volumes de drogas, principalmente heroína.

Analistas acrescentam que esquemas de corrupção, envolvendo agentes do próprio Estado, estão a dificultar o combate ao tráfico de drogas, dizem analistas.

Analistas apontam corrupção como impedimento à luta contra as drogas em Moçambique
please wait

No media source currently available

0:00 0:02:54 0:00

Fernando Mbanze considera isso uma verdade "porque a partir dos episódios que temos estado a acompanhar, incluindo detenções e outras situações, chega-se à conclusão de que, realmente, o tráfico de drogas é um problema sério neste país"

Por seu turno, o também analista Francisco Matsinhe diz que a corrupção " é um grande obstáculo à luta contra o tráfico de drogas neste país".

Ele realça que este fenómeno "esteve ligado ao boom que se registou no sector da construção nos últimos anos, tal como foi reconhecido por um proeminente procurador do país, Augusto Paulino".

Para o analista Laurindos Macuácua, eventualmente, alguns dos hoteis de luxo construidos no norte de Moçambique resultaram da lavagem dinheiro da droga.

"Em várias ocasiões, a própria Procuradoria-Geral da República afirmou isso; não basta apenas dizer e não fazer nada. As pessoas ligadas a isso são identificadas, mas em nenhum momento nós ouvimos que alguém foi detido", lamentou aquele analista.

Na terça-feira, 10, o representante do Gabinete das Nações Unidas contra a Droga e o Crime (UNODC) em Maputo manifestou a sua preocupação com o tráfico de substâncias ilícitas no país.

Fórum Facebook

Poderá gostar também

XS
SM
MD
LG