Links de Acesso

Alto Conselho de Cabinda quer apoio da Igreja Católica na sua luta


Oranização reage a suspensão de padre

O Alto Conselho de Cabinda, organização cívica, garante que a suspensão do sacerdote Félix Roberto Cubola​ pela Igreja Católica não vai inviabilizar a agenda politica da associação.

Organização de Cabinda reage à suspensão de padre - 1:44
please wait

No media source currently available

0:00 0:01:44 0:00


Em declarações à VOA, o vice-presidente do Alto Conselho de Cabinda, Belchor Lanzi Tati reagia assim à suspensão pelo bispo de Cabinda Dom Belmiro Chissengueti de Félix Roberto Cubola do exercício de toda a actividade sacerdotal por ter sido eleito presidente da organização.

“O dossier chegou a tempo antes da suspensão mas, independentemente da da decisão do bispo, o processo Acra-Gana não vai falir”, garante Belchor Tati, que, no entanto, pede a intervenção da Igreja Católica na resolução do problema de Cabinda.

“A trajectória do processo de Cabinda esteve sempre ligada à Igreja Católica, os padres de Cabinda estiveram sempre ao lado deste povo”, lembre Belchor Lanzi Tati, que espera com o engajamento da igreja honrar a memória dos sacerdotes que se empenharam na luta pela autodeterminação do povo de Cabinda.

Belchor Tati afirma que o Alto Conselho de Cabinda é uma alternativa ao Fórum Cabindes para o Dialogo e foi criado para albergar todos aqueles que não se revêm no memorando de entendimento para a paz e reconciliação em Cabinda.

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG