Links de Acesso

Alerta para quem levar electrónicos à Rússia: podem ser hackeados


Moscovo

O director do Centro de Segurança e Contra-inteligência dos Estados Unidos aconselhou os americanos que viajam à Rússia para assistirem o Mundial de Futebol que não devem levar dispositivos eletrónicos porque esses aparelhos poderão ser hackeados por criminosos ou pelo próprio Governo russo.

Em comunicado, William Evanina, alertou aos que irão ao Mundial na Rússia de que mesmo que eles pensem ser insignificantes, os hackers ainda podem atacá-los.

"Quem pretender levar um telefone celular, laptop, tablet ou qualquer outro dispositivo eletrónico deve não ter dúvidas de que o Governo russo pode ter acesso a todos os dados contidos aí, bem como criminosos digitais”, explicou, alertando que funcionários e responsáveis de empresas são, no entanto, os principais alvos.

Americanos receiam hacking na Rússia
please wait

No media source currently available

0:00 0:00:35 0:00

Agências de segurança britânicas emitiram alertas semelhantes ao ingleses e à selecção de futebol que irá competir no Mundial.

Em nota, o Centro Nacional de segurança virtual britânico disse que estava "disponibilizando conselhos de segurança de especialistas para a Associação de Futebol antes de sua partida para a Rússia para a Copa do Mundo da Fifa 2018".

O NCSC, um braço do Quartel General de Comunicações do Governo (GCHQ), a agência de vigilância eletrônica britânica, também emitiu um alerta ao público.

O especialista privado em segurança virtual Patrick Wardle disse que os avisos oficiais constituíam "bons conselhos".

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG