Links de Acesso

Advogados investigam tiroteio da polícia no Namibe


Agentes que dispararam sobre cidadãos devem ser responsabilizados criminalmente, dizem os advogados

Advogados dos direitos humanos estão a investigar um confronto entre a polícia e cidadãos, no mês passado, no Cabo Negro, na província angolana do Namibe, onde os agentes terão feito uso de armas de fogo.

Notícias dizem que uma pessoa foi morta e várias feridas. Um dos cidadãos feridos permanecia ontem hospitalizado.

Advogados investigam confrotnos com a policia no Namibe - 2:10
please wait

No media source currently available

0:00 0:02:10 0:00

Os advogados Manuel Gaspar e Sebastião Assurreira visitaram o Hospital do Saco Mar para se inteirarem das vítimas e disseram que querem que as investigações prometidas pelas autoridades sejam efectivamente feitas.

Manuel Gastar diz que a visita se destina “a apurar os factos e em que pé se encontra actualmente o processo judicial”, prometido pelas autoridades.

Por seu turno, Sebastião Assureira disse que deve ser instaurado um processo-crime.

“Se houve morte deve haver responsabilização dos agentes implicados”, reiterou, acrescentando que a partir daí se deve então investigar “quando começou a briga, quem começou a briga e então cada um ser responsabilizado pelo acto que praticou".

Fórum Facebook

XS
SM
MD
LG