quinta-feira, 30 julho, 2015. 00:03 UTC

Notícias / Estados Unidos

Incerteza entre Washington e Pequim

A complexidade dos desafios provenientes dos ataques cibernéticos

Ataques cibernéticos
Ataques cibernéticos
A alegação de uma empresa norte-americana de segurança cibernética de que o sector militar chinês efectua operações de espionagem a partir de um complexo de edifícios situado em Shangai parece estar a prejudicar o relacionamento entre os Estados Unidos e a China.

O relatório da empresa Mandiant visou abertamente o governo chinês, salientando que pode relacionar anos de ataques contra empresas norte-americanas directamente com uma divisão do Exercito Popular de Libertação.


As autoridades chinesas rejeitaram a alegações, enquanto os meios de informação locais alegam existir outras motivações para a divulgação do relatório.

Um editorial do China Daily argumenta que a motivação real para a acusação reside no reforço do Comando Cibernético do Pentágono.

O artigo refere que nas últimas semanas os media americanos anunciaram planos para a expansão do Comando Cibernético.

O artigo recorda igualmente que há dois anos atrás quando o Pentágono instalou o Comando Cibernético, foram apresentadas acusações semelhantes.

Outras publicações Chinesas consideram as alegações como não tendo qualquer fundamento. A versão chinesa do Global Times ridicularizou a cobertura dos meios de informação norte-americanos como tendo exagerado os dados do relatório.

As ameaças cibernéticas encontram-se entre os desafios que se colocam às relações entre os Estados Unidos e a China. Disputas económicas têm afectado o relacionamento, e no último ano as disputas de ilhas no mar do Sul da China ou entre o Japão e a China tornaram-se mais intensas.

Shi Yinhong professor de relações internacionais na Universidade de Renmin destaca o aumento de tensão em assuntos estratégicos, o que pode ser um mau presságio.

O professor Shi considera que os dois países necessitam de dialogar.

Responsáveis chineses e norte-americanos tem debatido questões de segurança cibernética e as duas partes têm mantido conversações informais.

No entanto os analistas acentuam que um simples envolvimento não é suficiente para fazer face à complexidade dos desafios provenientes dos ataques cibernéticos.
O forúm foi encerrado
Comentários
     
Năo existem comentários. Seja o primeiro

Siga-nos

Rádio

AudioAngola Fala Só: Ao Vivo I Mp3

Sexta 16:30 - 17:30 UTC
 

AudioEmissão Vespertina: Ao Vivo I Mp3

Seg-Qui 17:00 - 18:30 UTC
 

AudioEmissão Vespertina: Ao Vivo I Mp3

Sexta-feira 17:30 UTC
 

AudioEmissão Vespertina: Ao Vivo I Mp3

Sáb-Dom 17:00 - 18:00 UTC

Os Nossos Vídeos

Your JavaScript is turned off or you have an old version of Adobe's Flash Player. Get the latest Flash player.
Manchetes Americanas 29 de Julho 2015i
|| 0:00:00
...  
🔇
X
29.07.2015 18:46
Vídeo

Vídeo Amy Winehouse - o filme

No documentário, Amy, o realizador Asif Kapadia conta a história do nascimento e queda da super estrela do jazz Amy Winehouse. Usando filmes caseiros feitos por amigos e produtores de Amy, concertos, entrevistas públicas e sessões de gravações, Kapadia criou um retrato fantástico da cantora
Vídeo

Vídeo Sudão: música salva pessoas da morte

Em 2012 o realizador sudanês Hajooj Kuka realizou um documentário entre os refugiados da Guerra civil no Nilo Azul, Sudão, e na região montanhosa de Nuba. E surpreendeu-se com o que ali viu – a música estava a ajudar a salvar pessoas que estavam a ser alvo de ataques aéreos do seu próprio governo
Vídeo

Vídeo Marvel Comics lança um novo Homem-Aranha: Miles Morales

Seja em quadradinhos ou na tela do cinema, fãs estão acostumados a ver Peter Parker por trás do Homem-Aranha. Mas isto está a mudar. A Marvel Comics lançou Miles Morales para substituir Peter Parker em uma nova série de quadradinhos. Ele é metade latino e metado afro-americano e já é bem popular.
Mais Vídeos