sábado, 25 abril, 2015. 21:46 UTC

Notícias / Angola

UNITA nega deserções para o MPLA

Mais de mil militantes da oposição teriam desertado para o partido no poder

Victorino Nhany Secretário geral da UNITA
Victorino Nhany Secretário geral da UNITA
Manuel José
O Secretário geral da UNITA Victorino Nhany negou que centenas de militantes do partido tivessem ingressado no MPLA .




Nhany acusou o partido no poder de ter forçado esses militantes a vestirem camisolas do MPLA num acto publico para poderem garantir empregos.

Recentemente a imprensa publica angolana informou que 1050 militantes da UNITA e outros partidos da oposição no Kuando-Kuabango abandonaram as suas forcas partidárias, para ingressarem no MPLA.

Nhany disse que o secretário provincial da UNITA no Kuando Kubango tinha persuadido cidadãos a juntarem-se à Casa Militar para poderem auferir salários.

De acordo com Victorino Nhany, os cidadãos  foram depois obrigados camisolas de propaganda do MPLA  e dizer que se tinham passado para o MPLA , “na presença do secretário nacional da JOTA-MPLA o senhor Rescova e do governador da província Higino Carneiro”.

Os militantes do galo negro foram obrigados a vestir as camisolas do partido no poder, disse Nhany.

Isso é um crime, viola a constituição, viola a liberdade individual, disse o dirigente da UNITA.

A reacção não tardou, por parte do MPLA, o secretário de Luanda para as questões politicas, Norberto Garcia garantiu a VOA que o seu partido dispensa este tipo de praticas, para mobilizar militantes.

Segundo o responsável do MPLA as deserções nos partidos da oposição só acontecem porque as pessoas procuram o melhor.

“As pessoas procuram o MPLA porque sentem credibilidade, porque sentem que estao melhor com o MPLA,” disse Garcia.

“Eu sei que isto 'e doloroso para UNITA eu sei que a UNITA se sente mal com isso mas o exemplo que se passou no Kuando Kubango,” disse.

“É triste e lamentável a resposta que o secretário-geral da UNITA vem dar perante estas deserções de muitos militantes da UNITA e jovens que vieram para o MPLA, eu sei que isto doi a qualquer partido,” acrescentou.
O forúm foi encerrado
Comentários
     
Năo existem comentários. Seja o primeiro

Siga-nos

Rádio

AudioAngola Fala Só: Ao Vivo I Mp3

Sexta 16:30 - 17:30 UTC
 

AudioEmissão Vespertina: Ao Vivo I Mp3

Seg-Qui 17:00 - 18:30 UTC
 

AudioEmissão Vespertina: Ao Vivo I Mp3

Sexta-feira 17:30 UTC
 

AudioEmissão Vespertina: Ao Vivo I Mp3

Sáb-Dom 17:00 - 18:00 UTC

Os Nossos Vídeos

Your JavaScript is turned off or you have an old version of Adobe's Flash Player. Get the latest Flash player.
Passadeira Vermelha: Star Wars, Oprah Winfrey e filha de Whitney Houston acendem os holofotes!i
X
24.04.2015 16:24
O episódio 12 da #PassadeiraVermelha da VOA traz novidades da Oprah Winfrey, uns miminhos do Star Wars, daqueles bem bons e vamos ver quem rebentou o record de vendas de bilheteira de cinema das últimas semanas!
Vídeo

Vídeo Passadeira Vermelha: Star Wars, Oprah Winfrey e filha de Whitney Houston acendem os holofotes!

O episódio 12 da #PassadeiraVermelha da VOA traz novidades da Oprah Winfrey, uns miminhos do Star Wars, daqueles bem bons e vamos ver quem rebentou o record de vendas de bilheteira de cinema das últimas semanas!
Vídeo

Vídeo O Auxílio à morte nos Estados Unidos

Nos 18 anos da lei "Morte com Dignidade" no Oregon, cerca de 750 pessoas terminaram suas vidas com drogas letais. O medicamento também pode ser prescrito no Estado de Washington, Novo México, Vermont e Montana. Uma paciente terminal abriu o debate a outros estados
Vídeo

Vídeo Xenofobia na África do Sul

Na semana passada, a África do Sul foi tomada por ataques contra estrangeiros que moram no país. Alguns dizem que os ataques são culpa do legado do colonialismo, outros dizem que são problemas económicos da nação. Independentemente da causa, sul-africanos rezam pelo fim da violência.
Mais Vídeos