segunda-feira, 08 fevereiro, 2016. 05:57 UTC

    Notícias / África e Mundo

    O Procurador Gerrie Nel recomendou ao tribunal que não autorize a libertação de Pistorius

    Existem duas versões do que terá acontecido na residência de Óscar Pistorius

    Óscar Pistorius
    Óscar Pistorius
    O atleta paralímpico Óscar Pistorius enfrentou um segundo dia de argumentos ainda antes do julgamento por assassinato da sua namorada, a modelo Reeva Steenkamp.

    Existem duas versões do que terá acontecido às primeiras horas do dia 14 do corrente na residência de Óscar Pistorius, em Pretoria.

    Em ambas as versões – a da acusação e a da defesa – Pistorius matou a tiro Reeva Steenkamp.


    Na versão de Pistorius, o atleta bi-amputado ouviu barulho, numa África do Sul onde as invasões violentas das residências não são fora do comum, Pistorius pegou na sua arma, ouviu um barulho na casa de banho e disparou sem acender a luz.

    Tendo regressado ao quarto só quando viu a cama vazia é que lhe terá ocorrido que poderia ter disparado sobre Reeva Steenkamp.

    Esta versão dos acontecimentos contrasta com a da acusação, que alega que os dados do caso apontam claramente para homicídio premeditado: o atleta teria colocado as próteses e andado sete metros antes de disparar quatro vezes contra a porta da casa de banho onde se encontrava a namorada.

    O Procurador Gerrie Nel recomendou ao tribunal que não autorize a libertação de Pistorius mediante o pagamento de caução, pois ele poderá fugir do país e a sua posterior extradição ser muito difícil.

    A equipa de defesa de Pistorius tentou contrapor à versão da polícia apresentando testemunhos de amigos que apresentaram um casal que se tinha enamorado um mês após o primeiro encontro.

    Este caso tem atraído as atenções mundiais. O desporto é uma obsessão na África do Sul, e durante os últimos jogos olímpicos – durante os quais Pistorius foi o primeiro atleta bi-amputado a concorrer – o corredor tornou-se num poderoso emblema da nação.

    No exterior do edifício do tribunal, elementos da Liga das Mulheres protestaram contra a libertação de Pistorius e a violência contra as mulheres.
    O forúm foi encerrado
    Comentários
         
    Năo existem comentários. Seja o primeiro

    Siga-nos

    Rádio

    AudioAngola Fala Só: Ao Vivo I Mp3

    Sexta 16:30 - 17:30 UTC
     

    AudioEmissão Vespertina: Ao Vivo I Mp3

    Seg-Qui 17:00 - 18:30 UTC
     

    AudioEmissão Vespertina: Ao Vivo I Mp3

    Sexta-feira 17:30 UTC
     

    AudioEmissão Vespertina: Ao Vivo I Mp3

    Sáb-Dom 17:00 - 18:00 UTC

    Os Nossos Vídeos

    Your JavaScript is turned off or you have an old version of Adobe's Flash Player. Get the latest Flash player.
    Acesso à Internet em Maputo: Mulheres vs Homens - Que soluções?i
    || 0:00:00
    ...  
     
    X
    07.02.2016 06:49
    Fernanda Lobato aponta as dificuldades que as mulheres moçambicanas enfrentam no acesso à tecnologia, à saúde, a bens essenciais
    Vídeo

    Vídeo Acesso à Internet em Maputo: Mulheres vs Homens - Que soluções?

    Fernanda Lobato aponta as dificuldades que as mulheres moçambicanas enfrentam no acesso à tecnologia, à saúde, a bens essenciais
    Vídeo

    Vídeo Filhos de Jonas Savimbi levam empresa de jogo Call of Duty a tribunal

    Em causa está um milhão de dólares de indemnização por danos morais Entrevista dada à AFP
    Vídeo

    Vídeo Como Chegar à Casa Branca II

    O caminho para a Casa Branca depende de muitos factores Um deles é sem dúvida o financiamento - quanto mais dinheiro tiver, melhor para o candidato Este é o 2º vídeo que explica como decorre a campanha presidencial nos Estados Unidos até ao dia da eleição do Presidente
    Mais Vídeos