quarta-feira, 16 abril, 2014. 10:18 UTC

Notícias / Moçambique

Moçambique: Líder partidário demite-se por "falta de tempo"

Acto elogiado pela sua "honestidade"

Sem tempo para a política devido ao trabalho na escola. José Henriques Lopes
Sem tempo para a política devido ao trabalho na escola. José Henriques Lopes
Tamanho das letras - +
O líder de um pequeno partido político partido moçambicano demitiu-se do cargo  por falta de tempo para a política.




José Henrique Lopes demitiu-se do cargo de Secretário-geral do Partido Humanitário de Moçambique, PAHUMO, porque segundo disse a sua profissão de professor do ensino secundário não lhe deixa tempo para lidar com as questões partidárias no seu dia-a dia.

A sua decisão foi saudada como um acto de honestidade pelo presidente do partido Cornélio Qivela.

O Conselho Nacional do PAHUMO, um partido recém criado e com maior inserção no norte de Moçambique, está reunido em Nampula e decidiu substituir Lopes no cargo de Secretário-geral por Filomena Mutoropa.

“Como sabe, estamos próximos do ano de eleições e acho não ser bom ocupar um cargo de chefia num partido, quandona verdade não tenho tempo,” disse o demissionário Secretário-geral

“Acho por bem deixar o cargo para alguém que possa dedicar-se a tempo inteiro,” disse Lopes.

Para o presidente do PAHUMO, Cornelio Quivela, a atitude de José Henriques Lopes mostra uma honestidade, uma vez que “ mostra que é um homem, que sabe dizer que não pode juntar as duas coisas ao mesmo tempo”.

Quivela diz que a postura tomada pelo antigo Secretário-geral possibilita que o partido prossiga com sucesso e alcance a sua meta que é de conquistar o poder e governar.
O encontro do Conselho Nacional do PAHUMO termina nesta  Sexta-feira.
O forúm foi encerrado
Comentário
Comentários
     
por: pires feliciano de: Paris
30.12.2012 19:11
Pelo menos fez o que muitos em Angola ou moçambique nunca vai fazer somente pela interesses finançeiras ,mas este moçambicanos deu grande liçao para todos estes viçiado pelo privilegio dizer quando nao tem tempo suficiente deixe responsabilidade politica porque é contrato com as massas militantes e simpatizantes.


por: Kadienge de: Angola
15.12.2012 07:57
Que gesto formidável, é tão bom encontrar lideres sinceros e com esta pretenção. Infelizmente em Angola, são todos combatentes da fortuna, ainda não conhecemos um gesto assim.

Siga-nos

Rádio

AudioAngola Fala Só: Ao Vivo I Mp3

Sexta 16:30 - 17:30 UTC
 

AudioEmissão Vespertina: Ao Vivo I Mp3

Seg-Sexta 17:00 - 18:30 UTC
 

AudioEmissão Vespertina: Ao Vivo I Mp3

Sáb-Dom 17:00 - 18:00 UTC

Os Nossos Vídeos

Your JavaScript is turned off or you have an old version of Adobe's Flash Player. Get the latest Flash player.
Manchetes Afrcianas 15 de Abrili
|| 0:00:00
...
 
🔇
X
15.04.2014
Vídeo

Vídeo "Temos muitos problemas na Guiné-Bissau", Abel Incada, candidato presidencial

Os guineenses foram às urnas a 13 de Abril e estão expectantes num novo Governo de paz e estável
Vídeo

Vídeo África do Sul vai a votos a 7 de Maio

Na África do Sul, o ANC está em campanha difícil para segurar o seu domínio no Limpopo, onde ganhou 85 por cento dos votos em 2009.
Vídeo

Vídeo Pistorius está no banco dos réus e a acusação tem sido dura

Os acusadores tentaram descrever o atleta sul-africano Oscar Pistorius como egoísta e abusivo durante o segundo dia de interrogatório no seu julgamento por homicídio.
Vídeo

Vídeo A luta dos medicamentos baratos

O Governo da África do Sul vai aprovar reformas sobre propriedade intelectual – incluindo patentes de medicamentos – que para activistas de saúde poderão permitir que mais sul-africanos possam ter acesso a medicamentos genéricos,
Mais Vídeos