domingo, 20 abril, 2014. 06:00 UTC

Notícias / Estados Unidos

Obama exorta Hamas a acabar ataques com mísseis contra Israel

Israel ameaça alargar ofensiva contra Hamas. Número de mortos aumenta.

Tamanho das letras - +
Redacção VOA
O Presidente dos Estados Unidos Barack Obama disse que esforços para se resolver o confronto entre Israel e o grupo palestiniano Hamas tem que começar com o fim do disparo de mais misseis contra Israel.

Falando durante a visita que está a efectuar Banguecoque, Obama reiterou o apoio dos Estados Unidos ao que disse ser o direito de Israel de se defender de mísseis disparados de Gaza contra populações civis.

Obama disse que seria preferível pôr termo ao disparo de misseis sem que Israel tenha que aumentar a sua ofensiva de cinco dias contra os militantes de Gaza.
O presidente Obama disse ter mantido diversas conversações com os dirigentes de Israel, Egipto e Turquia para se tentar alcançar esse objectivo.

Israel levou a cabo mais ataques aéreos contra o que disse serem alvos do Hamas. Esta organização respondeu com mais disparos de mísseis contra Israel. Dois deles foram disparados contra Tel Aviv mas foram interceptado por mísseis anti míssil.
Em Gaza entidades oficiais disseram que o número de mortos subiu para 53. Rockets palestinianos mataram até agora três civis israelitas.

Vários civis foram hoje mortos num ataque a uma residência. Israel disse ter morto o responsável pela unidade de  misseis do Hamas na faixa de Gaza

Aviões israelitas atacaram dois centros de meios de informação na cidade de Gaza ferindo oito jornalistas. Um deles teve uma perna amputada.

As autoridades militares israelitas disseram ter atacado equipamento de comunicações do Hamas e apelou aos jornalistas para se manterem afastados de posições dos militantes e seus operacionais

O primeiro-ministro israelita disse que que o seu país está pronto a expandir significativamente as operações contra os militantes do Hamas.

Milhares de tropas israelitas estão concentrados na fronteira com Gaza para uma possível  invasão do território.
O forúm foi encerrado
Comentário
Comentários
     
por: Miranda de: USA
23.11.2012 22:21
Meu Presidente Obama. Eu, meus familiares, meus amigos e a maioria dos Africanos, votamos para si porque gostamos da sua maneira de ser, como amigo e politico, mas nao queremos que voce apoie o Israel quando massacra os palestinos! o nossso presidente deveria dar ao Cesar o que é do Cesar a Deus o que é de Deus para que tenha mais apoio! O Israel esta abusando, confiando no seu poder militar. Deve devolver aos palestinos o que lhes pertence.... A ONU tambem deve olhar para isto!... Que hajam, justiça e Paz para o Mundo, God bless America....


por: rui manuel da costa de: bissau
23.11.2012 09:04
Sr. Obama
a sua diclaração é infeliz e inedecuadas neste momento.
porque Israel ocuppou ilegalmente territorio Palestinianos e continua a construir neste colonatos.
eu não apoio laçamento de roquetes e também não opoio ocupação ilegal.
Onde está ONU?


por: Anónimo
18.11.2012 21:00
o rei salomao foi homem de bom julgamento . eu diria q seje como for existe uma hipocresia perante a questao da palestina e israel , e verdade q os civis nao tem nada haver com hamas , e a resposta de israel tanto no passado foi sempre despropocional , uso de avioes de caca , tantes contra a populacao inocente , as pessoas q morrem muitos deles nao teem nada haver com hamas , entao sao os efeitos colaterais ou que e ?

Siga-nos

Rádio

AudioAngola Fala Só: Ao Vivo I Mp3

Sexta 16:30 - 17:30 UTC
 

AudioEmissão Vespertina: Ao Vivo I Mp3

Seg-Sexta 17:00 - 18:30 UTC
 

AudioEmissão Vespertina: Ao Vivo I Mp3

Sáb-Dom 17:00 - 18:00 UTC

Os Nossos Vídeos

Your JavaScript is turned off or you have an old version of Adobe's Flash Player. Get the latest Flash player.
Manchetes Africanas 18 de Abrili
|| 0:00:00
...
 
🔇
X
18.04.2014
Vídeo

Vídeo "Temos muitos problemas na Guiné-Bissau", Abel Incada, candidato presidencial

Os guineenses foram às urnas a 13 de Abril e estão expectantes num novo Governo de paz e estável
Vídeo

Vídeo África do Sul vai a votos a 7 de Maio

Na África do Sul, o ANC está em campanha difícil para segurar o seu domínio no Limpopo, onde ganhou 85 por cento dos votos em 2009.
Vídeo

Vídeo Pistorius está no banco dos réus e a acusação tem sido dura

Os acusadores tentaram descrever o atleta sul-africano Oscar Pistorius como egoísta e abusivo durante o segundo dia de interrogatório no seu julgamento por homicídio.
Mais Vídeos