sábado, 01 novembro, 2014. 03:06 UTC

Moçambique

Governo decreta alerta vermelho no centro e sul de Moçambique

Inundações nos ditritos de Chibuto, Chókwè, Guijá e Xai-Xai já desajolaram mais de 100 mil pessoas, e as ajudas vão chegando pouco a pouco

Crianças num campo de acolhimento em Chókwè, onde milhares de desalojados pelas cheias aguardam pela ajuda do governo
Crianças num campo de acolhimento em Chókwè, onde milhares de desalojados pelas cheias aguardam pela ajuda do governo
Redacção VOA
Mais de 100 mil pessoas foram desalojadas pelas inundações na província de Gaza ao sul de Moçambique. De acordo com relatos de jornalistas que estão a cobrir as operações de resgates nas regiões afectadas, o quadro é desolador apesar das ajudas do governo que começam a chegar.

Os distritos de Chókwè e Guijá somam mais de 95 mil pessoas afectadas pelas cheias. Em Chibuto mais de 20 mil pessoas encontram-se igualmente desalojadas. Não nos foi possível estabelecer o número de pessoas em mesma situação em Xai-Xai.

O governo moçambicano através do Instituto Nacional de Gestão de Calamidades criou centros de acolhimento para os sinistrados, onde tem assegurado a distribuição de alimentação e outros meios de alojamentos.

Em Xai-Xai, um outro distrito da província de Gaza, a baixa de Chicumbane já está submersa pela água e segundo fontes no local a população já começa a partir em busca de refúgios em locais mais seguros.

O jornalista José Chissano, do Jornal Notícias que se encontra na região descreveu a situação em Chaquilane, onde 70 mil pessoas já foram acolhidas pelas autoridades.


Em Chibuto são mais de 20 mil pessoas afectadas pelas cheias. O jornalista John Chegueda da Radio de Moçambique que consideração a situação de crítica por causa do caudal e da corrente das cheia. Segundo ainda Chegueda, toda a baixa da cidade ficou inundada e as cheias cortaram as vias de acesso Chibuto-Chissano, Chibuto Guijá. 


O governo de Moçambique decretou o alerta vermelho nas regiões centro e sul do país por causa de inundações provocadas pelas fortes chuvas que provocaram a subida do caudal do rio Limpopo.
O forúm foi encerrado
Comentário
Comentários
     
por: Francisco dos Santos Nama de: Quelimane
25.01.2013 19:48
espero que os governantes ajem de boa fe, dechando o ditado que diz da sua lagrima e o meu sorriso

Galeria de fotos Em Moçambique ganha a abstenção - Veja os resultados por província

Os dados fornecidos pelo CIP revelam que dos perto de 11 mil eleitores, apenas quatro mil votaram em Moçambique


Galeria de fotos Moçambique – Eleições 2014 Dhlakama, Nyusi e Simango

Resultados provisórios Dhlakama e Nyusi votaram em Maputo. Daviz Simango votou na Beira


Galeria de fotos Galeria de fotos do ouvinte Eleições Moçambique

Fotos enviadas pelos ouvintes da VOA que nos acompanham pelo WhatsApp +1 908 652 4584



Manifesto Eleitoral do MDM

Manifesto Eleitoral da RENAMO

Manifesto Eleitoral da FRELIMO