sábado, 30 maio, 2015. 02:20 UTC

Notícias / Estados Unidos

Hillary Clinton hospitalizada em Nova Iorque

Secretária de Estado norte-americana foi diagnosticada com coágulo sanguíneo alegadamente provocada por concussão sofrida no início de Dezembro

Secretária de Estado norte-americana, Hillary Clinton
Secretária de Estado norte-americana, Hillary Clinton
Redacção VOA
A Secretária de Estado norte-americana, Hillary Clinton encontra-se hospitalizada em Nova Iorque devido ao coágulo sanguíneo.

O Departamento do Estado informou que os médicos diagnosticaram o coágulo sanguíneo a Secretária de Estado norte-americana, a seguir a um exame detalhado no Domingo, após ter sofrido uma concussão (um traumatismo craniano) no início do mês.

Hillary Clinton tem estado doente ultimamente, debatendo-se com um vírus estomacal, supostamente contraído durante a sua viagem ao estrangeiro.

Por causa disso, Clinton viu-se forçada a cancelar compromissos públicos e viagens de trabalho. Pouco antes do Natal, a Secretária de Estado em consequência da desidratação sofrida com o seu mal-estar, desmaiou e na queda teve uma concussão.

Médicos no Hospital Presbiteriano de Nova Iorque estão a administrar a Hillary Clinton medicamentos anti-coagulantes.

O Departamento do Estado adiantou por sua vez que os clínicos vão continuar a seguir de perto o seu estado para determinar se são necessárias, outras acções.
O forúm foi encerrado
Comentário
Comentários
     
por: Mwangolé de: N'gola Kiá Samba
02.01.2013 16:10
Rápidas melhoras Sra secretária...e lá se vai o Sonho de ser a próxima inquilina da Casa Branca. Cuide da sua saúde.

Siga-nos

Rádio

AudioAngola Fala Só: Ao Vivo I Mp3

Sexta 16:30 - 17:30 UTC
 

AudioEmissão Vespertina: Ao Vivo I Mp3

Seg-Qui 17:00 - 18:30 UTC
 

AudioEmissão Vespertina: Ao Vivo I Mp3

Sexta-feira 17:30 UTC
 

AudioEmissão Vespertina: Ao Vivo I Mp3

Sáb-Dom 17:00 - 18:00 UTC

Os Nossos Vídeos

Your JavaScript is turned off or you have an old version of Adobe's Flash Player. Get the latest Flash player.
Sakala: "Huambo é caso para tribunal internacional; Cabinda devia ser região autónoma"i
X
29.05.2015 15:05
Alcides Sakala, porta-voz da UNITA, principal partido da oposição em Angola, fala do caso Kalupeteka (dezenas de pessoas morreram de forma misteriosa), considerando-o o ponto mais alto das violações dos direitos humanos. Cabinda por seu lado devia ser autónoma como a Madeira. Entrevista a 22 de Maio
Vídeo

Vídeo Sakala: "Huambo é caso para tribunal internacional; Cabinda devia ser região autónoma"

Alcides Sakala, porta-voz da UNITA, principal partido da oposição em Angola, fala do caso Kalupeteka (dezenas de pessoas morreram de forma misteriosa), considerando-o o ponto mais alto das violações dos direitos humanos. Cabinda por seu lado devia ser autónoma como a Madeira. Entrevista a 22 de Maio
Vídeo

Vídeo Protestos em Bujumbura

O ambiente em Bujumbura continua sob muita tensao. Hoje foi dia de protestos na capital do Burundi
Vídeo

Vídeo Manchetes do Mundo 25 de Maio 2015

As imagens noticiosas do mundo
Mais Vídeos