quarta-feira, 16 abril, 2014. 13:12 UTC

Notícias / África

União Africana pleaneia reunião entre autoridades de Bissau e governantes exilados.

Carlos Gomes Júnior anuncia disposição de participar. Insiste que força internacional deve ser enviada para Bissau

A caminho de Addis Abeba? Carlos Gomes Junior
A caminho de Addis Abeba? Carlos Gomes Junior
Tamanho das letras - +
Redacção VOA
A União Africana está a tentar organizar um encontro entre representantes do governo deposto da Guiné Bissau e as autoridades deste país, disse em Lisboa Carlos Gomes Júnior primeiro ministro deposto no golpe de estado de Abril deste ano.




Falando numa conferência de imprensa Carlos Gomes Júnior disse no entanto que continua a insistir na presença de uma força internacional para garantir a segurança e eleições livres no território.




"Não podemos ficar de costas voltadas, temos que nos sentar à mesa para saber o que é que nos diverge", disse Carlos Gomes Júnior.

A Guiné-Bissau está a ser gerida por um Governo de transição, na sequência de um golpe de Estado em Abril passado.

As atuais autoridades de Bissau não são reconhecidas pela comunidade internacional, mas têm o apoio da CEDEAO (Comunidade Económica dos Estados da África Ocidental), a organização regional da qual o país faz parte.

Carlos Gomes Júnior  recordou uma recente resolução do Conselho de Segurança da ONU que requer o regresso á legalidade constitucional e disse que nem todos os membros da CEDAO apoiam as autoridades de Bissau.

Na conferência de imprensa Carlos Gomes Júnior leu um comunicado em que refutou as acusações das autoridades de Bissau que teria havido uma tentativa militar de golpe de estado  em Bissau levada a cabo por um capitão ligado ao governo deposto e acusou essas autoridades de tentarem eliminar o PAIGC para instituírem um regime envolvido no que chamou de actividades  ilícitas, uma referencia aparente ao trafico de drogas.




O primeiro-ministro deposto da Guiné-Bissau, Carlos Gomes Júnior, disse hoje que já apresentou a sua recandidatura à liderança do Partido Africano da Independência da Guiné e Cabo Verde (PAIGC) e que irá participar no congresso agendado para Janeiro.

Siga-nos

Rádio

AudioAngola Fala Só: Ao Vivo I Mp3

Sexta 16:30 - 17:30 UTC
 

AudioEmissão Vespertina: Ao Vivo I Mp3

Seg-Sexta 17:00 - 18:30 UTC
 

AudioEmissão Vespertina: Ao Vivo I Mp3

Sáb-Dom 17:00 - 18:00 UTC

Os Nossos Vídeos

Your JavaScript is turned off or you have an old version of Adobe's Flash Player. Get the latest Flash player.
Manchetes Africanas 15 de Abrili
|| 0:00:00
...
 
🔇
X
15.04.2014
Vídeo

Vídeo "Temos muitos problemas na Guiné-Bissau", Abel Incada, candidato presidencial

Os guineenses foram às urnas a 13 de Abril e estão expectantes num novo Governo de paz e estável
Vídeo

Vídeo África do Sul vai a votos a 7 de Maio

Na África do Sul, o ANC está em campanha difícil para segurar o seu domínio no Limpopo, onde ganhou 85 por cento dos votos em 2009.
Vídeo

Vídeo Pistorius está no banco dos réus e a acusação tem sido dura

Os acusadores tentaram descrever o atleta sul-africano Oscar Pistorius como egoísta e abusivo durante o segundo dia de interrogatório no seu julgamento por homicídio.
Vídeo

Vídeo A luta dos medicamentos baratos

O Governo da África do Sul vai aprovar reformas sobre propriedade intelectual – incluindo patentes de medicamentos – que para activistas de saúde poderão permitir que mais sul-africanos possam ter acesso a medicamentos genéricos,
Mais Vídeos