sexta-feira, 01 agosto, 2014. 22:28 UTC

Notícias / Brasil

Luta contra a pobreza: Brasil à frente entre os "países emergentes"

Em 2009 no Brasil a percentagem de pessoas abaixo da linha de pobreza era de 3,2% .

Eduardo Ferro
Nos últimos anos, o Brasil tem vindo a experimentar uma estabilidade económica inédita e entre os denominados países emergentes, foi o que mais diminuiu as desigualdades socioeconómicas nas últimas décadas.

A conclusão consta e um estudo da antropóloga brasileira Maria Silvério e publicado pelo Observatório das Desigualdades da Universidade de Lisboa.

Em 2009 o Brasil experimentava já uma estabilidade económica nunca antes alcançada e a percentagem de pessoas abaixo da linha de pobreza era então de 3,2% do total de cidadãos.

Segundo um estudo da pesquisadora brasileira Maria Silvério, mestranda em antropologia no Instituto Universitário de Lisboa, o dado é revelador. Entre as cinco maiores economias emergentes, o Brasil foi a que mais diminuiu a desigualdade socioeconómica nas últimas décadas.

Embora o Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro tenha crescido a um ritmo médio anual de 5,1% entre 2006 e 2011, os ganhos sociais obtidos no período são equivalentes aos de um país que tivesse registado uma expansão anual de 13% da economia, ou seja, mais do que o dobro do crescimento económico brasileiro.

A pesquisa de Maria Silvério mostra que, entre as cinco maiores economias emergentes - os chamados BRICS (grupo formado pelo Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul), o Brasil é o único que conseguiu diminuir consideravelmente a desigualdade de rendimentos nos últimos 20 anos.

Ouça a entrevista da Maria Silvério à VOA.

O forúm foi encerrado
Comentários
     
Năo existem comentários. Seja o primeiro

Siga-nos

Rádio

AudioAngola Fala Só: Ao Vivo I Mp3

Sexta 16:30 - 17:30 UTC
 

AudioEmissão Vespertina: Ao Vivo I Mp3

Seg-Sexta 17:00 - 18:30 UTC
 

AudioEmissão Vespertina: Ao Vivo I Mp3

Sáb-Dom 17:00 - 18:00 UTC

Os Nossos Vídeos

Your JavaScript is turned off or you have an old version of Adobe's Flash Player. Get the latest Flash player.
Manchetes Africanas 1 Agosto 2014i
X
01.08.2014 20:33
Os títulos que marcaram o início do mês de Agosto
Vídeo

Vídeo Manchetes Africanas 1 Agosto 2014

Os títulos que marcaram o início do mês de Agosto
Vídeo

Vídeo Ivan Collinson - Participante Yali

Ivan Collinson - Participante Yali. Veio de Moçambique e é director adjunto do registo académico da Universidade Eduardo Mondlane. Ivan sente-se mais africano depois de participar na Iniciativa Jovens Líderes Africanos nos EUA
Vídeo

Vídeo Manchetes Americanas 31 Julho 2014

Câmara dos Representantes indicia processo contra Presidente Barack Obama
Vídeo

Vídeo Manchetes Africanas 31Julho 2014

Da propagação do vírus do ébola, aos ataques do Boko Haram. Os títulos que marcam a actualidade de África
Vídeo

Vídeo Cadija Mané - Participante Yali

Cadija Mané - Participante Yali. Veio da Guiné-Bissau, onde trabalha como coordenadora da Casa dos Direitos. Regressa para a Guiné com mais determinação e força de vontade para mudar as coisas
Vídeo

Vídeo Vilma Nhambi - Participante Yali

Vilma Nhambi - Participante Yali. Veio de Moçambique e tem um projecto com mulheres e adolescentes nas zonas rurais.
Vídeo

Vídeo Selma Neves - Participante Yali

Selma Neves - Participante Yali, veio de Cabo Verde. É Presidente da Incubadora, uma cooperativa de empoderamento de mulheres e fica por mais dois meses para um estágio em Nova Iorque
Vídeo

Vídeo Manchetes Americanas 29 Julho 2014

Os principais assuntos que fazem a actualidade dos Estados Unidos da América, com Bruna Ladeira
Vídeo

Vídeo Majo Joseph - Participante Yali

Majo Joseph - Participante Yali veio de Moçambique e a sua área de acção é a sociedade civil e seu empoderamento
Vídeo

Vídeo Akiules Neto - Participante Yali

Akiules Neto - Participante Yali. Veio de Angola e a sua vida são os números
Mais Vídeos