domingo, 25 janeiro, 2015. 14:16 UTC

Notícias / Angola

Angola: AJPD lança dúvidas sobre imparcialidade do julgamento de Quim Ribeiro

Associação acusa procuradoria de introduzir falsidades no processo e lembra que réus são presumidos inocentes

x
Venâncio Rodrigues
Um ano após o início do julgamento do conhecido caso Quim Ribeiro,  em que 21 oficias da      Polícia Nacional   são  acusados de apropriação indevida de valores e de assassinato de oficial superior e de um funcionário prisional, a Associação para Justiça, Paz e Democracia, AJPD, acusa o representante do Ministério Público junto do Supremo  Tribunal  Militar   de tentativa de   introduzir  uma  testemunha    com identidade duvidosa.




Em declarações à Voz da América, o responsável da associação cívica angolana, Serra Bango disse que observou os réus  têm o direito de serem julgados dentro dum prazo razoável, por um tribunal imparcial e, mediante um processo equitativo, nos termos da Lei Constitucional.

A AJPD espera que o comportamento  manifestado pelo digno representante  do Ministério Público junto do Supremo Tribunal Militar não seja a consumação de alguma orientação superior, pois, é tal a coincidência  dos factos com as palavras do Procurador Geral da República, Gen. José Maria de Sousa, segundo a qual “ o veredicto do caso Quim Ribeiro pode ser dado dentro de três meses”

A AJPD chama à atenção das partes envolvidas que independentemente do passado dos réus, das funções que exerceram, ou do que terão praticado os mesmos têm o direito de um julgamento condigno partindo do pressuposto  da presunção da inocência.

A AJPD considera que  se não foram encontradas provas  que incriminam os 21 policiais, cujo julgamento decorre   há 1    ano    “deverá ser aplicado  o princípio In dúbio pro reo (em caso de dúvida favorece o réu.). 

A  associação cívica angolana   chama  à atenção que deste processo e do seu desfecho, geram-se várias expectativas de ambas as partes   que anseiam por justiça .
O forúm foi encerrado
Comentários
     
Năo existem comentários. Seja o primeiro

Siga-nos

Rádio

AudioAngola Fala Só: Ao Vivo I Mp3

Sexta 16:30 - 17:30 UTC
 

AudioEmissão Vespertina: Ao Vivo I Mp3

Seg-Qui 17:00 - 18:30 UTC
 

AudioEmissão Vespertina: Ao Vivo I Mp3

Sexta-feira 17:30 UTC
 

AudioEmissão Vespertina: Ao Vivo I Mp3

Sáb-Dom 17:00 - 18:00 UTC

Os Nossos Vídeos

Your JavaScript is turned off or you have an old version of Adobe's Flash Player. Get the latest Flash player.
Prisioneiros do Quenia Batalha pela reintegraçãoi
|| 0:00:00
...  
🔇
X
23.01.2015 20:54
Depois de ter estado na prisao é difícil encontrar trabalho e ser aceite na cidade. Um grupo de ex-presos em Nairobi querem provar que ha vida depois do crime. (Janeiro 2015)
Vídeo

Vídeo Prisioneiros do Quenia Batalha pela reintegração

Depois de ter estado na prisao é difícil encontrar trabalho e ser aceite na cidade. Um grupo de ex-presos em Nairobi querem provar que ha vida depois do crime. (Janeiro 2015)
Vídeo

Vídeo Vacinas para o Ebola

A pior crise do Ebola na historia do mundo entrou no segundo ano. Os cientistas estao a desenvolver uma vacina contra este virus mortal. (Janeiro 2015)
Vídeo

Vídeo Manchetes Africanas 23 Janeiro 2015

As imagens das noticias de Africa
Vídeo

Vídeo Manchetes Africanas 22 Janeiro 2015

As imagens das noticias africanas
Vídeo

Vídeo Manchetes Africanas 21 Janeiro 2015

Imagens noticiosas afrcianas
Vídeo

Vídeo American Sniper: A história de um atirador americano que matou mais de 160 pessoas

Nomeado para o Oscar de Melhor Drama, o filme de Clint Eastwood baseia-se na história real de Chris Kyle, um oficial da Marinha americana que serviu no Iraque por quatro vezes como atirador profissional. O filme explora o efeito da guerra na psique humana
Vídeo

Vídeo Manchetes Africanas 20 Janeiro 2015

As imagens noticiosas de Africa
Mais Vídeos