quinta-feira, 05 março, 2015. 14:33 UTC

Notícias / Angola

Amnistia Internacional pede a Luanda para não extraditar "golpistas" congoleses

Presos foram espancados numa prisão militar Cabinda, diz a organização

Redacção VOA
A Amnistia Internacional acusou as autoridades angolanas de terem torturado vários congoleses acusados de estarem a preparar em Cabinda uma operação de destabilização contra o governo da República Democrática do Congo.




A organização apelou ainda ao governo angolano para não extraditar os presos por estes correm o risco de serem torturados e condenados à morte.

A prisão dos congoleses foi anunciada oportunamente pela Voz da América que revelou na altura que os presos estavam a tentar recrutar exilados para uma operação contra o governo de Kinshasa.

Num comunicado a Amnistia exortou também o governo angolano a investigar alegações de que os detidos foram torturados após terem sido detidos em Cabinda.

A Amnistia Internacional diz ter recebido informação que durante a sua detenção em quartéis militares em Cabinda os detidos foram espancados à coronhada, pontapeados e agredidos a soco. Nenhum dos detidos, disse o comunicado, recebeu cuidados médicos pelos ferimentos causados por essa a tortura.

A Amnistia diz ainda que os homens foram detidos a 22 de Novembro  e foram mantidos incomunicáveis até 22 de Dezembro.

A organização de direitos humanos disse ainda recear que alguns desses homens sejam agora repatriados para a República Democrática do Congo  onde existe um risco real de serem torturados e de serem condenados à morte.

Isso, diz o comunicado, seria uma violação da lei internacional de direitos humanos quer proíbe o repatriamento de pessoas para países onde exista o risco real de serem torturados .

A Amnistia Internacional recorda que a constituição de Angola proíbe a extradição de cidadãos estrangeiros por motivos políticos e que possam fazer face a execução.

O forúm foi encerrado
Comentário
Comentários
     
por: Angolano de: USA
18.02.2013 15:18
Luanda, é um aiz suberano, não irá aceitar o pedido de nenhuma instituição extrangeira. Abaixo o neo-colonialismo. Luandence


por: Anónimo
15.02.2013 12:48
o porq teem q ser espancados ?
exixte conivencia com o governo de luanda e kabila para erguerem um sistema politico de CORRUPCAO entre luanda e kinshasa. SISTEMA DA ANTIGA BABILONIA .conforme o BOB MARLEY cantou , SISTEMA DE VAMPIROS.

Siga-nos

Rádio

AudioAngola Fala Só: Ao Vivo I Mp3

Sexta 16:30 - 17:30 UTC
 

AudioEmissão Vespertina: Ao Vivo I Mp3

Seg-Qui 17:00 - 18:30 UTC
 

AudioEmissão Vespertina: Ao Vivo I Mp3

Sexta-feira 17:30 UTC
 

AudioEmissão Vespertina: Ao Vivo I Mp3

Sáb-Dom 17:00 - 18:00 UTC

Os Nossos Vídeos

Your JavaScript is turned off or you have an old version of Adobe's Flash Player. Get the latest Flash player.
Manchetes Africanas, 4 de Março de 2015i
X
04.03.2015 18:08
Vídeo

Vídeo Passadeira Vermelha: Noivados de celebridades, filmes e muita música

O episódio 4 da #PassadeiraVermelha traz as peripécias do palco dos Oscars, os vestidos babados, noivados muito falados, as músicas que estão a liderar o TOP 3 americano, com Bruno Mars há semanas consecutivas e muito mais!
Vídeo

Vídeo Power Africa: Visão dos desafios e obstáculos em África devido à falta de energia

Os apagões são uma realidade por toda a África, com as faltas de electricidade a afectarem quase diariamente países ricos e pobres. Que desafios se colocam? Há uma geração energética e de abastecimento em África? O que está a ser feito para que a luz não se apague?
Vídeo

Vídeo Marcha em Moscovo homenageia líder da oposição assassinado

Milhares marcharam em homenagem a Boris Nemtsov, líder da oposição russa, assassinado em Moscovo quando passeava com a namorada pela ponte com vista para o Kremlin, na capital da Rússia. Boris Nemtsov assassinado com quatro tiros
Vídeo

Vídeo Putin ex-espião, novo herói da Rússia

Analistas dizem que Putin, um antigo espião, está determinado em restaurar a imagem da Rússia em colocar o país no lugar que lhe compete no mundo – qualquer que seja o meio para alcançar esse objectivo.
Mais Vídeos