domingo, 14 fevereiro, 2016. 20:56 UTC

    Notícias / Angola

    Angola: Aprovado orçamento com votos e abstenção de toda a oposição

    UNITA diz que orçamento fomenta a corrupção

    Manuel José
    A lei que autoriza o executivo a implementar o Orçamento Geral do Estado de 2013 passou pelo crivo dos deputados com 155 votos a favor (todos deputados do MPLA), 38 contra (todos os deputados das bancadas da UNITA e CASA-CE) e 5 abstenções (dos parlamentares do PRS e FNLA).




    O partido dos camaradas, por intermédio do deputado Manuel Nunes Junior disse crer que este orçamento vai abrir portas para o aumento de empregos e do crescimento económico nacional.

    “Os efeitos deste processo vão ser visíveis com mais empregos, com mais rendimentos, com mais sustentabilidade no nosso crescimento, “disse.

    O economista e deputado do MPLA  aproveitou a ocasião para frisar que se tem registado umaumento do crescimento do sector não petrolífero o que para si “é um indicador que Angola está realmente num processo de diversificação da sua economia”.

    Raul Danda deputado da UNITARaul Danda deputado da UNITA
    x
    Raul Danda deputado da UNITA
    Raul Danda deputado da UNITA
    Raul Danda da Unita pôs em causa essa declaração.

    “Mais de 71% da nossa economia está assente sob um pilar que é o petróleo, isto não se traduz em diversificação das receitas,” disse.

    “Não há diversificação da nossa economia , isso  é uma mentira, “crescentou)
    Já a deputada Michaela Webba disse que a UNITA tinha votado contra o orçamento porque este serve para “potenciar a corrupção, potenciar a diferença entre ricos e pobres, potenciar a exclusão social”.

    A CASA-CE que também votou contra o OGE justificou a sua posição pelo líder de bancada André Gaspar mendes de Carvalho “ Miau” que sublinhou como umdas razões do voto contra o facto do orçamento não  especificar o controlo de fundos de reserve.

    “O governo cria reservas e estas reservas ficam aí a disposição do presidente da república,”  disse.

    “Nós entendemos que não deve ser feita assim, deve-se cumprir a lei,” acrescentou.
    A questão da falta de investimentos considerados suficientes na educação é outro motivo avançado pela CASA-CE para contrapor o OGE.

    “Não 'e sério falar-se em educação de maneira sustentável quando o executivo dá 0,8%, para combater o analfabetismo, quando a sua população é 40% analfabeta, isto não 'e desenvolvimento," disse.
    O forúm foi encerrado
    Comentário
    Comentários
         
    por: Prof.Kiluange de: New York City
    14.02.2013 18:24
    A cultura de impunidade, no país, atingiu proporções explosivas!!! Permitir Dos Santos fazer de Angola bode expiatório de todas suas maldições, significa tanta ingenuidade ou cumplicidade junta!!!E continuar a insistir" numa ideologia esquematizada pela "Máfia Russo-Chinesa" constitui não só uma ameaça às nossas instituições jurídicas ... parlamentares,etc., mas, afronta à tranquilidade social das gerações vindouras !?...Dos Santos governa, prácticamente, uma segunda geração...e os vídeos dos maus tratos de 11 homens contra 2 mulheres indefesas reflecte pura e simplesmente o nosso "estado psíquico"....Imaginem então o que se passa nas escuras!!!Oh! Santíssima Virgem Maria, Rainha do Rosário e Mãe de misericórdia – salve-nos!...Chegámos a um ponto em que temos de confrontar com a realidade tal qual ela é: José Eduardo dos Santos constitui o maior perigo `a nossa estabilidade social.O povo angolano é o único proprietário de Angola – e quando o inquilino do seu Palácio Presidencial for provado incompetente, inconfiável ao cargo e erário público,deve ser desalojado imediatamente!!!!Por outro lado, as cláusulas contratuais gerais” da criação da China Sonangol International Holding Limited, préstamos contraídos ao governo chinês, a presença de mais de 256 mil chinos no nosso território nacional, aquisição de terras por estrangeiros, contas bancárias, bens e propriedades do Presidente da República e sua família nuclear, RNB (Rendimento Nacional Bruto),etc., devem ser de domínio público por conterem informações importantes ao cidadão nacional. Por conseguinte, o ideal neste momento seria a demissão imediate e incondicional de Dos Santos,criação de uma comissão de transição,retirada dos chineses,reestruturação do sistema jurídico,dissolver o parlamento – tudo isso para evitar que mergulhemos numa chacina sem precentes na história deste país.A escolha é nossa!!!


    Siga-nos

    Rádio

    AudioAngola Fala Só: Ao Vivo I Mp3

    Sexta 16:30 - 17:30 UTC
     

    AudioEmissão Vespertina: Ao Vivo I Mp3

    Seg-Qui 17:00 - 18:30 UTC
     

    AudioEmissão Vespertina: Ao Vivo I Mp3

    Sexta-feira 17:30 UTC
     

    AudioEmissão Vespertina: Ao Vivo I Mp3

    Sáb-Dom 17:00 - 18:00 UTC

    Os Nossos Vídeos

    Your JavaScript is turned off or you have an old version of Adobe's Flash Player. Get the latest Flash player.
    Passadeira Vermelha #53: Kanye West, Taylor Swift, Kim Kardashian, Taraji P Hensoni
    X
    13.02.2016 08:18
    Kanye West continua na boca do povo Aplicação móvel de Taylor Swift partilha algo com Kim Kardashian Taraji P Henson confunde Coldplay com Maroon 5
    Mais Vídeos