quarta-feira, 17 setembro, 2014. 21:35 UTC

Notícias / África

Chefe militar senegalês visita Bissau

Presença de forças da CEDAO e conflicto em Casamance objectos de discussão

Reforma do sector militar na Guiné-Bissau começa em Setembro
Reforma do sector militar na Guiné-Bissau começa em Setembro
Lassana Casamá
O chefe de estado-maior general das forças armadas do Senegal, o general Mamadou Sow chegou a Bissau Segunda-feira para uma curta visita de 24 horas.




A presença de tropas da CEDAO em território guineense deverá ser o principal tópico das discussões com as autoridades da Guiné Bissau, mas a situação no território senegalês do Casamance deveria ser também alvo de análise.

Ao longo dos anos a rebelião nessa província vizinha da Guiné- Bissau tem resultado em confrontos fronteiriços envolvendo forças da Guiné Bissau.

Sabe-se que as autoridades senegalesas querem iniciar conversações com os rebeldes mas procuram um interlocutor válido.

Durante a sua estadia em Bissau o General Sow deveria visitar duas bases militares e avistar-se com destacados dirigentes guineenses entre os quais o presidente da República.
O forúm foi encerrado
Comentário
Comentários
     
por: Ndumiso de: Cabo verde
29.01.2013 18:07
Angola tambem deveria fazer como o senegal , a iniciar negocacoes com os cabindas.
Mas ela tem medo de conversar porque nao sabe com convencer alguem , sabem so usar a forca ( MPLA)

Siga-nos

Rádio

AudioAngola Fala Só: Ao Vivo I Mp3

Sexta 16:30 - 17:30 UTC
 

AudioEmissão Vespertina: Ao Vivo I Mp3

Seg-Sexta 17:00 - 18:30 UTC
 

AudioEmissão Vespertina: Ao Vivo I Mp3

Sáb-Dom 17:00 - 18:00 UTC

Os Nossos Vídeos

Your JavaScript is turned off or you have an old version of Adobe's Flash Player. Get the latest Flash player.
Manchetes Africanas 17 Setembro 2014i
|| 0:00:00
...
 
🔇
X
17.09.2014 18:25
As imagens de Africa que fazem noticia
Vídeo

Vídeo Manchetes Africanas 17 Setembro 2014

As imagens de Africa que fazem noticia
Vídeo

Vídeo Manchetes Africanas 16 Setembro 2014

As noticias de Africa em imagens
Vídeo

Vídeo Prostituição infantil em Nairobi

Na favela de Korogocho, em Nairobi, raparigas com apenas 15 anos de idades dedicam-se à prostituição como meio de ganhar a vida. Elas são o alvo de uma organização não-governamental chamada Iniciativa Miss Koch, que tem realizado o trabalho de resgatar essas menores e com resultados positivos.
Vídeo

Vídeo Manchetes Africanas 12 Setembro 2014

As noticias de Africa que fazem manchete
Vídeo

Vídeo Manchetes Americanas 11 setembro 2014

Noticias da America em video
Vídeo

Vídeo Manchetes Africanas 10 Setembro 2014

As imagens das noticias de Africa
Vídeo

Vídeo Manchetes americanas 9 Setembro 2014

As notícias da America em vídeo
Mais Vídeos