sábado, 29 novembro, 2014. 01:05 UTC

Notícias / Angola

UNITA quer investigação a mortes na vigília da IURD

“Sempre que há grandes concentrações de gente devem-se sempre tomar um conjunto de disposições para se evitarem situações deste género,” disse Alcides Sakala

Venâncio Rodrigues
O maior partido da oposição de Angola, UNITA, exigiu a abertura de um inquérito ao incidente da noite de fim de ano em que dezenas de pessoas morreram ou ficaram feridas durante uma cerimónia religiosa da Igreja Universal do Reino de Deus (IURD).


A porta-voz da comissão de asseguramento médico para a quadra festiva, Filomena Wilson, é citada pelo Jornal de Angola como tendo dito que até ao princípio da noite de terça-feira, estavam confirmados 16 mortos, entre os quais três crianças, com idades entre os três e quatro anos.

Nove vítimas terão morrido já no interior do Hospital Américo Boavida, uma no Hospital do Prenda, três a caminho dos hospitais e outras três no local da tragédia. Ainda na  terça-feira, estavam por identificar os corpos de duas mulheres na morgue do Hospital Josina Machel.

As vítimas faziam parte de uma vígilia organizada pela Igreja Universal do Reino de Deus para marcar o fim do ano de 2012.

A superlotação do recinto terá estado na origem das mortes, por asfixia, mas o porta-voz da UNITA, Alcides Sakala disse à Voz da América que a perda de vidas humanas podia ser evitada.

“Sempre que há grandes concentrações de gente devem-se sempre tomar um conjunto de disposições para se evitarem situações deste género,” disse.

“Neste quadro a nossa recomendação é que se crie uma comissão de inquérito para a se apurarem as responsabilidades”, acrescentou.

Esta quarta-feira estavam marcadas as autópsias que deverão determinar as verdadeiras causas das mortes.

O comandante geral adjunto da Polícia Nacional, Comissário-chefe Paulo  de Almeida  confirmou as declarações de um dos responsáveis da IURD segunda as quais o número de pessoas esteve acima das capacidades do recinto.
O forúm foi encerrado
Comentário
Comentários
     
por: yu de: hbo
09.01.2013 05:35
lamentamos tal situação mais a igreja devia ter realizado esta vigilia em um estado de futebol por exemplo, por favor pensem antes de realizar este tipo de actividades

Siga-nos

Rádio

AudioAngola Fala Só: Ao Vivo I Mp3

Sexta 16:30 - 17:30 UTC
 

AudioEmissão Vespertina: Ao Vivo I Mp3

Seg-Qui 17:00 - 18:30 UTC
 

AudioEmissão Vespertina: Ao Vivo I Mp3

Sexta-feira 17:30 UTC
 

AudioEmissão Vespertina: Ao Vivo I Mp3

Sáb-Dom 17:00 - 18:00 UTC

Os Nossos Vídeos

Your JavaScript is turned off or you have an old version of Adobe's Flash Player. Get the latest Flash player.
Perseguição aos vendedores de ruai
X
28.11.2014 20:08
O Conselho municipal de Nairobi, no Quénia, foi acusado de brutalidade na forma como trata os vendedores de rua no distrito central de negócios – por forma a impedir que eles vendam ilegalmente a sua mercadoria nas ruas.
Vídeo

Vídeo Perseguição aos vendedores de rua

O Conselho municipal de Nairobi, no Quénia, foi acusado de brutalidade na forma como trata os vendedores de rua no distrito central de negócios – por forma a impedir que eles vendam ilegalmente a sua mercadoria nas ruas.
Vídeo

Vídeo Manchetes Africanas 28 Novembro 2014

A actualidade africana em apenas 60 segundos
Vídeo

Vídeo Branca de Neve e os 7 Anões em Luanda

Estúdio de Actores de Mel Gamboa apresenta Branca de Neve e os 7 Anões em Luanda, no Elinga Teatro.
Vídeo

Vídeo Manchetes Africanas 27 Novembro 2014

A actualidade noticiosa do continente africano
Vídeo

Vídeo Bobby Smith o benfeitor

No dia de Acção de Graças nos Estados Unidos, agradece-se as bênçãos recebidas ao longo do ano. Bobby Smith, imigrante nos EUA, vindo da Serra Leoa, criou uma pequena organização de voluntários Hope for Lives in Sierra Leone, para ajudar os desfavorecidos na sua terra Natal
Vídeo

Vídeo Manchetes Africanas 26 Novembro 2014

As imagens das noticias de Africa
Vídeo

Vídeo Manchetes Americanas 25 Novembro 2014

A actualidade americana num minuto!
Vídeo

Vídeo A Voz da América nas manifestações em Ferguson

O polícia que matou Michael Brown não será acusado.
Vídeo

Vídeo Protestos violentos causam caos em Ferguson, Estados Unidos

Uma decisão de um Grande Júri no Misssouri de não indiciar o policia branco Darren Wilson pela morte a tiro do jovem africano-americano Michael Brown resultou em mais violência e destruição em Ferguson. Isto apesar dos apelos a manifestações pacíficas por parte dos lideres comunitário
Mais Vídeos