quarta-feira, 22 outubro, 2014. 12:13 UTC

Notícias / A Sua Saúde

Antibiótico antibacteriano mostra resultados positivos para TB

Um antibiótico usado para tratar infecções graves mostra ser uma promessa contra uma forma muito resistente de Tuberculose (TB).

Raio-X de doente com Tuberculose
Raio-X de doente com Tuberculose
Ana Guedes
A forma de tuberculose de que falamos é a XDR extremamente resistente e mortal.

A tuberculose XDR resiste a pelo menos a quatro dos medicamentos mais usados contra a doença.

Apesar de ser ainda ser raro 80 países noticiaram casos da ocorrência desta forma rara de TB.

Responsáveis de saúde dizem que o número real é desconhecido, porque não há um teste específico para este tipo de TB.

Todavia, a XDR pode ser curada, apesar de não ser fácil. Isto porque este tipo de TB pode matar rapidamente, sobretudo se uma pessoa já estiver infectada com o HIV, o vírus da SIDA.

O Dr. Ray Chen, clínico no Instituto Nacional de Alergias e Doenças Infecciosas, diz que a XDR apareceu depois de ter aparecido um outro tipo de TB, a MDR, a tuberculose multi-resistente, e que é mais comum.

“A Tuberculose MDR é um problema já há vários anos, porque resulta do facto de as pessoas não tomarem os medicamentos como receitado pelo médico.”

O que leva a que este tipo de TB acabasse por desenvolver, aos poucos, resistência aos medicamentos que eram utilizados. A MDR resiste a dois dos principais medicamentos usados para a terapia padrão da Tuberculose.
E quando a doença se torna resistente a outros medicamentos de primeira linha usados, passa à categoria de Tuberculose XDR.

O mundo ouviu falar pela primeira vez da existência da XDR em 2006, após um estudo de 2006, realizado na África do Sul, onde vários doentes exibiam um tipo de Tuberculose que resistia a todos os medicamentos conhecidos e usados, e o índice de mortalidade era extremamente elevado - 90% para os doentes que também estavam infectados com o vírus da SIDA.

O tratamento padrão para a TB dura seis meses. Enquanto o tratamento para o tipo de tuberculose MDR se prolonga por 18 a 24 meses.

Pelo que os investigadores perceberam que era preciso desenvolver mais medicamentos para as várias formas de Tuberculose.

Eles já tinham ouvido resultados de estudos informais usando o linezolid, que está no mercado para tratar bactérias resistentes, conhecidas por bactérias gram-positiva, aquele tipo de bactéria que não responde aos antibióticos típicos.
Assim os investigadores testaram o linezolid em 41 doentes que exibiam a forma XDR –TB e que não respondiam ao tratamento em que se usava os melhores medicamentos existentes.

E seis meses depois de os doentes começarem a receber também este medicamento, 87% testavam negativo para a Tuberculose.

O problema eram os efeitos secundários – problemas nervosos com as mãos, e o adormecimento dos pés. Registaram-se também problemas de visão e problemas com as células sanguíneas. Pelo que os testes tiveram que ser interrompidos.

Neste momento, os investigadores estão esperançados em que a introdução do linezolid possa ser positivo, mas terão que fazer mais estudos para saber se o seu uso será seguro em larga escala e em combinação com outros medicamentos.

Da mesma forma que se espera o aparecimento no mercado farmacêutico de novos antibióticos os quais poderão ser estados também para a Tuberculose.
O forúm foi encerrado
Comentários
     
Năo existem comentários. Seja o primeiro

Siga-nos

Rádio

AudioAngola Fala Só: Ao Vivo I Mp3

Sexta 16:30 - 17:30 UTC
 

AudioEmissão Vespertina: Ao Vivo I Mp3

Seg-Sexta 17:00 - 18:30 UTC
 

AudioEmissão Vespertina: Ao Vivo I Mp3

Sáb-Dom 17:00 - 18:00 UTC

Os Nossos Vídeos

Your JavaScript is turned off or you have an old version of Adobe's Flash Player. Get the latest Flash player.
Ébola e os órfãos da Serra Leoai
X
22.10.2014 11:07
Centenas de crianças ficaram órfãos na Serra Leoa devido ao surto do vírus do Ébola, são vítimas do estigma e da rejeição. Os familiares não querem saber deles. A Serra Leoa abriu o primeiro orfanato de vítimas do Ébola no distrito de Kailahun.
Vídeo

Vídeo Ébola e os órfãos da Serra Leoa

Centenas de crianças ficaram órfãos na Serra Leoa devido ao surto do vírus do Ébola, são vítimas do estigma e da rejeição. Os familiares não querem saber deles. A Serra Leoa abriu o primeiro orfanato de vítimas do Ébola no distrito de Kailahun.
Vídeo

Vídeo Manchetes Africanas 21 Outubro 2014

As noticias de Africa em imagens
Vídeo

Vídeo Ébola: Um Poema para os Vivos

O filme da Chocolate Moose é uma animação desmistificando o Ébola, explicando a doença através do caso de um menino infectado. A VOA fez a dobragem do vídeo original na voz de Mayra de Lassalette. Saiba mais no link http://tinyurl.com/l7vgtjv
Vídeo

Vídeo Manchetes Africanas 17 Outubro 2014

As noticias de Africa em video
Vídeo

Vídeo Nascimentos na Libéria em tempos de Ébola

O hospital JFK na Libéria tinha encerrado a maternidade, devido ao Ébola, mas urge agora reabrir o serviço que já fez 93 partos desde que voltou a abrir
Vídeo

Vídeo Manchetes Africanas 15 Outubro 2014

As noticias de Africa em video
Vídeo

Vídeo Libéria: Os bravos que recolhem os corpos das vítimas de Ébola

Na Monróvia, capital da Libéria, uma jovem não aceitou ir para o hospital quando os técnicos de saúde assim o solicitaram. E a comunidade em que vivia também não. A jovem morreu e muitos da comunidade estão infectados com Ébola e isto já começa a ser uma história comum na Libéria
Vídeo

Vídeo Qual é o significado estratégico de Kobani?

Kobani continua a ser palco de intensos combates entre militantes do grupo Estado Islâmico (ISIS ou ISIL) e forças curdas. Os EUA levaram a cabo mais ataques aéreos. A ONU adverte para o possível massacre de centenas de civis se a cidade cair totalmente nas mãos dos extremistas islâmicos.
Mais Vídeos