sábado, 02 agosto, 2014. 02:26 UTC

Notícias / Angola

Deputado da UNITA insiste em questionar nacionalidade do Presidente

Deputado Makuta Nkondo desafia dos Santos a demonstrar as suas origens. Há décadas que a UNITA alega que o Presidente é santomense

José Eduardo dos Santos
José Eduardo dos Santos
Coque Mukuta
— Após a decisão do Parlamento angolano Deputado Makuta Nkondo desafia dos Santos em demonstrar as suas origens.


Censura registada foi a decisão saída do Gabinete de Paulo Kassoma, presidente da Assembleia Nacional, segundo o despacho que conclui o processo 01/2012 contra o Deputado da Bancada Parlamentar do Galo Negro, Augusto Pedro Makuta Nkondo, que questionou em sessão parlamentar a nacionalidade do Presidente reeleito para o cadeirão máximo da República de Angola, José Eduardo dos Santos e o eleito para Vice-presidente, economista Manuel Vicente.

Após a decisão final daquele Parlamento, o também candidato ao reino do Congo, Makuta Nkondo desafia Eduardo dos Santos em demonstrar a sua cédula narrativa ou a certidão de nacimento “a censura registada é a medida disciplinar aplicável se outra mais grave não couber ao deputado que: a) usar de expressões atentatória ao decoro parlamentar, assim entendidas mormente as que constituem ofensas à honra.

Eu não ofendi ninguém!” Disse também “porque que o dos Santos não venha hoje desafiar-me ou desafiar o povo angolano dizendo que epá! Vocês falam muito! Eis aqui a minha certidão de narrativa completa para a minha identidade, eis aqui a minha cédula, eis aqui a cédula pessoal da minha mãe do meu pai, dos meus avôs e bisavós” disse.

Para o Membro da dinastia do reino do Kongo Deputado Makuta Nkondo, a intensão de conhecer a nacionalidade de um chefe do Estado é de todos angolanos e até mesmo de estrangeiros que visitam Angola “ estou a lhe dizer que parece que todos nós queremos conhecer a aldeia de origem de Eduardo dos Santos, mesmo os turistas que não gostaria de visitar a aldeia de um presidente da República?”frisou.

O Deputado Makuta Nkondo que desafia presidente reeleito a demonstrar a sua cédula narrativa ou a certidão de nacimento.
O forúm foi encerrado
Comentário
Comentários
     
por: ndudy kivango de: cabinda
14.09.2012 05:45
Estes dois senhores,mascarados de angolanos,deviam refletir que, quanto mais alta for a subida maior sera a queda.meus irmaos do reino do kongo dia ntotila, tenhamos esperancas nas reincarnacoes dos nossos antepassados,BAKULO BETO,e ja vimos reinos, imperios e ate dinastias a serem desmoronadas,entao,tenhamos a calma e um pouco de paciencia com relacao a esse santomense que e nada mais nada menos que um palhaco manipulado por sociedades secretas dos ocidentais.Ele nao e e nunca sera vitalicio e,todos esses que entram na sua danca,tarde ou cedo teram de justificar aos angolanos e ao reino do congo local de saques imesuravel de riquezas que usa para reconstruir santome e algumas provincias de angola.MALA MANA.NA MUIVI BO KA NKUIBANGA ,VADI KILUMBO KI KALA BAKANA EH WITSI KITUKA BUKA KIVUTSI.NA MABUTO SESSEKO KE BWAU KABELA,BU KWIDI TWUIDIEH!obama quando questionado sobre suas origens,veio ao publico e provou a sua identidade,entao quem e voce,ainda com os atributos que voce tem,arquitecto da paz,amigo do povo,o pai da nacao,etc


por: Angolana de: Bem pertinho
12.09.2012 21:37
Sr Makuta Kondo sabes k perdeste o assento parlamentar nestas "eleições" pois bem começa a trabalhar para engrandecer a nação. Pork com ou sem certidão, o homem xtá aí bem colado ao caldeirão presidencial.


por: Ngondofwa de: Luanda
11.09.2012 22:01
JES/MPLA é uma força que entrou em Angola a pedido dos portugueses para os representar,como se de Angolanos se trata-se.O MPLA foi criado fora de Angola,para contrapor os verdadeiros filhos de Angola,por isso lhes convêm que o MPLA tenha sempre um lider de origem Santomense.JES agora quer deixar outro Santomense Manuel Vicente,para prosseguir como plano dos Tugas.
A Mãe e pai de JES,sem duvida foram Santomenses.Ainda tenho as minhas duvidas,mas JES não foi nascido em Luanda e no Sambila,tudo mentira.


por: alberto de: angola
11.09.2012 14:50
kota makuta e melhor esperar sentado,se debate o kota ZEDU nao respondeu, mostrar a certidão de nascimento..........


por: PAULO DA ROCHA de: USA
11.09.2012 01:46
Só os Angolanos quém não sabem que este homem é Caboverdeano. Todavia, não queremos pessoas de origens terrorista mais andando por terras de Africas. Chega de pessimismo, e vamos construir as nossas terras com paz e harmonia de todos nós. Basta dos chamados maus neste nosso Torrão vermelho. Se angola conyinuar a ter paz, tanto os Angolanos como ostros Paises lusofónicos viverão tranquilos, e todos terão sucesso. Abraço amigo Paulo Rocha USA


por: Prof.Kiluange de: New York City
11.09.2012 01:35
O dia em que nos consciencializarmos (no sentido de tomar de alma e peito), que somos os únicos proprietários dessa terra sacrificada – aí sim, estaremos em condições de reclamarmos aquilo que nos pertence como dádiva de deus!!! Porque é inadmissível, por exemplo, que só 0,5% dos 16 milhões de angolanos beneficiem do nosso producto interno bruto (PIB), avaliados anualmente em cerca de “$115.9 (2011 est.) bilhões de dólares”, segundo a http://travel.state.gov. E ainda têm o descaramento de nos chamar burro ou analfabeto?!, que somos um partido de 6 milhões... quicas um dos maiores partidos de Africa???, quando a Imprensa Nacional ( RNA,TPA,ANGOP,JA) manipulada por Jose Eduardo dos Santos e seus comparsas [ Arcadi Aleksandrovich Gaydamak, Lev Lievev, e Pierre Falcone,Manuel Vicente e Hélder Vieira Dias ‘Kopelipa’,etc.]mutilam a nossa liberdade de informação!? Mas afinal quem e' aqui o analfaburro?


por: John John Martins de: Luanda
10.09.2012 22:04
Este assunto já não tem piada nenhuma, parece um disco riscado.
Nesta altura do campeonato quem está a espera de descobrir o sexo dos anjos? Só mesmo o Sr, Makuta Nkondo. Passemos adiante que o País tem assuntos mais sérios para serem tratados.


por: MWAGOLE LIBERDADE de: LUANDA
10.09.2012 20:59
FORCA ANGOLA , E FORCA ANGOLANO ,SEMPRE APERTAR O FRUNCO E ESSE FRUNCO NUNCA REBENTA EPA SERA QUE ESTAO APERTAR MUITO MAL , OU AINDA NAO ESTA MADURO VAMOS DAR MAIS UM TEMPO NAO ESQUECER DE METER A CINZA PARA VER SE O FRUNCO FICA JA PRONTA" LOUNGA MWANA UKWENDA KUMAKINU , KALENDI KULONGA MWANA WAKUTUKANGA KUMAKINU

Siga-nos

Rádio

AudioAngola Fala Só: Ao Vivo I Mp3

Sexta 16:30 - 17:30 UTC
 

AudioEmissão Vespertina: Ao Vivo I Mp3

Seg-Sexta 17:00 - 18:30 UTC
 

AudioEmissão Vespertina: Ao Vivo I Mp3

Sáb-Dom 17:00 - 18:00 UTC

Os Nossos Vídeos

Your JavaScript is turned off or you have an old version of Adobe's Flash Player. Get the latest Flash player.
Manchetes Africanas 1 Agosto 2014i
X
01.08.2014 20:33
Os títulos que marcaram o início do mês de Agosto
Vídeo

Vídeo Manchetes Africanas 1 Agosto 2014

Os títulos que marcaram o início do mês de Agosto
Vídeo

Vídeo Ivan Collinson - Participante Yali

Ivan Collinson - Participante Yali. Veio de Moçambique e é director adjunto do registo académico da Universidade Eduardo Mondlane. Ivan sente-se mais africano depois de participar na Iniciativa Jovens Líderes Africanos nos EUA
Vídeo

Vídeo Manchetes Americanas 31 Julho 2014

Câmara dos Representantes indicia processo contra Presidente Barack Obama
Vídeo

Vídeo Manchetes Africanas 31Julho 2014

Da propagação do vírus do ébola, aos ataques do Boko Haram. Os títulos que marcam a actualidade de África
Vídeo

Vídeo Cadija Mané - Participante Yali

Cadija Mané - Participante Yali. Veio da Guiné-Bissau, onde trabalha como coordenadora da Casa dos Direitos. Regressa para a Guiné com mais determinação e força de vontade para mudar as coisas
Vídeo

Vídeo Vilma Nhambi - Participante Yali

Vilma Nhambi - Participante Yali. Veio de Moçambique e tem um projecto com mulheres e adolescentes nas zonas rurais.
Vídeo

Vídeo Selma Neves - Participante Yali

Selma Neves - Participante Yali, veio de Cabo Verde. É Presidente da Incubadora, uma cooperativa de empoderamento de mulheres e fica por mais dois meses para um estágio em Nova Iorque
Vídeo

Vídeo Manchetes Americanas 29 Julho 2014

Os principais assuntos que fazem a actualidade dos Estados Unidos da América, com Bruna Ladeira
Vídeo

Vídeo Majo Joseph - Participante Yali

Majo Joseph - Participante Yali veio de Moçambique e a sua área de acção é a sociedade civil e seu empoderamento
Vídeo

Vídeo Akiules Neto - Participante Yali

Akiules Neto - Participante Yali. Veio de Angola e a sua vida são os números
Mais Vídeos