quinta-feira, 18 setembro, 2014. 07:40 UTC

Notícias / Angola

Angola: Enfermeiros de "mãos amarradas" por causa de interpretação de decreto

Os enfermeiros da região de Luanda paralisaram as suas actividades alegando estarem a cumprir com o referido decreto.

Arão Ndipa
A interpretação de um decreto presidencial que remonta ao ano de 2010 tem forçado os enfermeiros de Luanda a cruzarem os braços em vários centros de saúde.

Alegadamente o referido documento proíbe estes profissionais de exercerem funções tais como a realização de consultas, de exames físicos ou de determinação de diagnósticos.


Como consequência os enfermeiros da região de Luanda paralisaram as suas actividades alegando estarem a cumprir com o referido decreto.

Esta situação tem causado muitos constrangimentos em matéria de assistência médica às populações uma vez que Luanda se debate com um deficit considerável de técnicos superiores de enfermagem e de pessoal médico qualificado.

Recentemente as autoridades governamentais reuniram-se com os dirigentes sindicais e outros responsáveis representativos dos enfermeiros para esclarecer as dúvidas relativas à interpretação do decreto presidencial 254 de 17 de Novembro de 2010.

Na reunião os responsáveis sanitários angolanos afirmaram que os técnicos de enfermagem dos níveis médio e básico devem continuar a observar as funções e responsabilidades que lhes são dadas em conformidade com o decreto 54 de 5 e Agosto de 2003, incluindo a realização de consultas, exames físicos e complementares e determinação de diagnósticos e prescrição de tratamentos nos termos dos protocolos existentes.

Para nos falar sobre o assunto, ouvimos o ministro da saúde, José Van Dunen, o secretário-geral da ordem dos enfermeiros, Paulo Luvualo e António Kileba, secretário-geral adjunto do sindicato dos técnicos de saúde de Luanda.
O forúm foi encerrado
Comentário
Comentários
     
por: Anónimo
23.01.2013 12:42
o jose eduardo dos santos esta cercado de acessores incomptentes q o orientam ao acidente politico catastrofico , ele sabe q angola tem reduzido numero de medicos , e limita as tecnicas aprendidas aos profissionais em zonas desprovidas de medicos , o q sera o tal slogan da saude para todos ? No Reino Unido os enfermeiros treinados fazem TRIAGE, trabalho q eu pratiquei em angola ha 20 anos atraz e meus colegas aqui admiram o meu profissionalismo , imagino como as coias estao indo em angola....

Siga-nos

Rádio

AudioAngola Fala Só: Ao Vivo I Mp3

Sexta 16:30 - 17:30 UTC
 

AudioEmissão Vespertina: Ao Vivo I Mp3

Seg-Sexta 17:00 - 18:30 UTC
 

AudioEmissão Vespertina: Ao Vivo I Mp3

Sáb-Dom 17:00 - 18:00 UTC

Os Nossos Vídeos

Your JavaScript is turned off or you have an old version of Adobe's Flash Player. Get the latest Flash player.
Manchetes Africanas 17 Setembro 2014i
|| 0:00:00
...
 
🔇
X
17.09.2014 18:25
As imagens de Africa que fazem noticia
Vídeo

Vídeo Manchetes Africanas 17 Setembro 2014

As imagens de Africa que fazem noticia
Vídeo

Vídeo Manchetes Africanas 16 Setembro 2014

As noticias de Africa em imagens
Vídeo

Vídeo Prostituição infantil em Nairobi

Na favela de Korogocho, em Nairobi, raparigas com apenas 15 anos de idades dedicam-se à prostituição como meio de ganhar a vida. Elas são o alvo de uma organização não-governamental chamada Iniciativa Miss Koch, que tem realizado o trabalho de resgatar essas menores e com resultados positivos.
Vídeo

Vídeo Manchetes Africanas 12 Setembro 2014

As noticias de Africa que fazem manchete
Vídeo

Vídeo Manchetes Americanas 11 setembro 2014

Noticias da America em video
Vídeo

Vídeo Manchetes Africanas 10 Setembro 2014

As imagens das noticias de Africa
Vídeo

Vídeo Manchetes americanas 9 Setembro 2014

As notícias da America em vídeo
Mais Vídeos