sábado, 01 novembro, 2014. 10:12 UTC

Notícias / Angola

Angola recordou "Zecax" símbolo da música pós independência

José António Janota "Zecax"
José António Janota "Zecax"
Os restos mortais do compositor e cantor José António Janota, de nome artístico Zecax, falecido no passado  08 de Dezembro, vítima de doença, na República da Namíbia, foram enterrados no dia 14 de Dezembro, no Cemitério do Alto das Cruzes, em Luanda.

No funeral foi tocada a músca de ZecaxNo funeral foi tocada a músca de Zecax
x
No funeral foi tocada a músca de Zecax
No funeral foi tocada a músca de Zecax
Durante a caminhada para o último adeus ao cantor Zecax e antes de a urna ser depositada na cova, os músicos presentes foram cantando os seus sucessos, tais como “Undengue Uami”, “Fim-de-semana”, “Caminhar é difícil”, “Mana Tita”, “Maximbombo”, “Donzela”, “Independência”, “Parte o braço”, entre outros temas.

No elogio fúnebre, o vice-presidente da União Nacional dos Artistas e Compositores (UNAC) para a área de música, Massano Júnior, afirmou que a obra de Zecax não será esquecida, tendo em conta que inspirou a nova geração para a preservação dos ritmos angolanos.

Referiu que Zecax deixa, seguramente, um testemunho de artista, sempre na preservação do semba, que é a marca da música popular angolana.

José António Janota nasceu a 2 de Junho de 1956, em Luanda.

Ao longo da sua carreira musical, Zecax fez parte do histórico agrupamento “Kissanguela”, em 1976, formação musical ligada à JMPLA, como cantor, gravando o seu nome nesta importante banda musical, que representa o ponto mais alto da canção revolucionária.

Era das vozes mais prestigiadas do agrupamento musical “Jovens do Prenda”, deixando para a história dessa formação os sucessos “Undengue Uami”, “Makota mami” e “Fim-de-semana”. É também autor de “Caminhar é difícil”, “ Mana Tita “ e “ Caçador”. Nos Kiezos, interpretou “Maximbombo”, “Boleia” e “Donzela”.

Zecax integrou ainda os agrupamentos “Angolenses”, “Mini Bossa”, “Diamantes Negro”, “Os Merengues” e “Semba África”.

Desde Setembro deste ano, Zecax preparava o seu primeiro disco a solo, intitulado “Avó Sara”, uma síntese da sua trajectória artística de 30 anos, e que seria dedicado à sua avó, que muito o incentivou na carreira musical.
O forúm foi encerrado
Comentários
     
Năo existem comentários. Seja o primeiro

Siga-nos

Rádio

AudioAngola Fala Só: Ao Vivo I Mp3

Sexta 16:30 - 17:30 UTC
 

AudioEmissão Vespertina: Ao Vivo I Mp3

Seg-Sexta 17:00 - 18:30 UTC
 

AudioEmissão Vespertina: Ao Vivo I Mp3

Sáb-Dom 17:00 - 18:00 UTC

Os Nossos Vídeos

Your JavaScript is turned off or you have an old version of Adobe's Flash Player. Get the latest Flash player.
Levando a vida no cemitério: Reportagem sobre pobreza persistente em Moçambiquei
X
31.10.2014 18:08
Com as suas ricas reservas de gás natural por explorar, Moçambique poderá tornar-se num dos maiores abastecedores de energia – facto central nas recentes eleições nacionais. Mas nem todos usufruem das riquezas acumuladas. Há uma pobreza persistente, veja como alguns residentes de Maputo sobrevivem
Vídeo

Vídeo Levando a vida no cemitério: Reportagem sobre pobreza persistente em Moçambique

Com as suas ricas reservas de gás natural por explorar, Moçambique poderá tornar-se num dos maiores abastecedores de energia – facto central nas recentes eleições nacionais. Mas nem todos usufruem das riquezas acumuladas. Há uma pobreza persistente, veja como alguns residentes de Maputo sobrevivem
Vídeo

Vídeo Manchetes Africanas 31 Outubro 2014

As noticias de Africa em video
Vídeo

Vídeo Manchetes Americanas 30 Outubro 2014

As principais notícias que marcam a última semana do mês de Outubro, nos Estados Unidos
Vídeo

Vídeo Manchetes Africanas 30 Outubro 2014

As noticias de Africa em video
Vídeo

Vídeo Manchetes Africanas 29 Outubro 2014

As noticias de Africa em video
Vídeo

Vídeo Manchetes Africanas 28 Outubro 2014

As noticias de Africa em video
Vídeo

Vídeo Manchetes Africanas 24 Outubro 2014

As noticias de Africa em imagens
Vídeo

Vídeo Levados pelo Boko Haram

O mundo espera para ver se a Nigéria consegue negociar a libertação das 219 raparigas da escola de Chibok, raptadas pelo grupo islâmico Boko Haram em Abril. Activistas dizem que o Boko Haram já raptou centenas de jovens rapazes, mulheres e crianças, desde 2009.
Vídeo

Vídeo Manchetes Africanas 23 Outubro 2014

As noticias de Africa em imagens
Vídeo

Vídeo Mãe Trabalhadora - trailler do filme

O filme explora a dupla responsabilidade das mulheres moçambicanas, como mães e trabalhadoras. Gentilmente cedido pelo Organização Internacional do Trabalho
Mais Vídeos