sexta-feira, 01 agosto, 2014. 22:28 UTC

Notícias / Angola

Presidente angolano prepara purga no MPLA

Presidente sugeriu que "existem militantes que não tratam os assuntos de forma objectiva colocando questões pessoais acima dos interesses gerais"

Presidente de Angola, José Eduardo dos Santos
Presidente de Angola, José Eduardo dos Santos
Venâncio Rodrigues
O presidente angolano, admitiu haver problemas de relacionamento entre os militantes do MPLA que ocupam funções partidárias e político-administrativas, particularmente em Luanda, onde disse “a situação é muito mais grave”.


José Eduardo dos Santos, que raramente expõe publicamente as rixas internas do seu partido, fez estas declarações, em Luanda, na abertura de mais uma reunião do comité central do seu partido.

O presidente do MPLA, sugeriu que existem militantes que não tratam, no exercício das suas obrigações, os assuntos de forma objectiva, colocando questões subjectivas e pessoais acima dos interesses gerais, o que provoca contradições, atritos e incompatibilidades com outros quadros.

“A situação mais grave é a que temos hoje na cidade de Luanda, onde estas contradições e incompatibilidades do género estão a prejudicar o trabalho do partido e do estado”, afirmou.

Segundo o líder do MPLA, a situação é demasiado evidente ao nível dos municípios e comunas, particularmente nos grandes centros urbanos e nas grandes cidades revelando que já houve problemas no Uíge,  na Lunda-Norte e  mais recentemente, em Cabinda e no Cuando-Cubango.

Entretanto o docente universitário, Celso Malavoloneke disse à VOA que o desabafo de Eduardo dos Santos revela “ alguém que já não sabe o que fazer”.

O presidente do partido governamental anunciou que o bureau político vai tomar “medidas que se impõem” deixando a entender, nas entrelinhas, que alguns responsáveis e quadros que compõem os diferentes departamentos do executivo, saído das eleições de 2012, podem ser substituídos por outros.
O forúm foi encerrado
Comentário
Comments page of 2
    Próximo 
por: Capote de: usa
04.02.2013 03:38
Ve-se claro que este jornal é da UNITA. Todos os comentarios sao daquele partido que apanhou capote. AH AH AH AH AH


por: Chateado de: Luanda
03.02.2013 19:29
A cara do PR na foto está mais próxima a de um Demónio, os parentes dele. Como é que os teus camaradas não vão fazer pedidos particulares se voçe está esbanjar o dinheiro do povo para os seus filhos e amigos. Até a pouca vergonha de dizeres que quem tem muito para dar um pouco a quem não tem nada. Roubaram o que é nosso e agora somos obrigado a mendigar, F da P


por: venancio joão welema de: luanda
02.02.2013 10:39
Este senhor na verdade, está a causar muita desgraça para o povo angolano. Olhar para esta pessoa é ter a certeza de que o sofrimento vai continuar...


por: Kizomba de: Luanda
31.01.2013 12:50
Boa Tarde meus caros,estas disputas é o principio do fim do MPLA.Só vem demonstrar as divergencias ou choques de interesses do partido e dos interesses Governo ou Estado,um exemplo prático é que o Presidente do partido é o presidente da Republica , o que que se espera dum país onde o cargo politico é confundido com o cargo partidario.A água e a energia electrica "não se dão."


por: José António de Carvalho de: Cabinda
31.01.2013 07:16
Isto não passa de uma fífia. É apenas para ludibriar a opinião pública nacional e internacional que o 'minjão' JES pretende sanear a arrogância e brutalidade dos seus 'bonecos animados'. Todos eles bebem da mesma fonte, começando por ele próprio e agora quer enganar quem?


por: Cornelio Mabiala de: Cabinda
31.01.2013 05:56
Senhor Presidente.
O desfuncionamento existente nestas estruturas do vosso Partido ,não e outro que a verdadeira cara do próprio MPLA. Somente estão a copiar o que e o próprio estilo dos manda chuva deste Partido-Estado. Não lamenta aconselho fazer uma autocrítica- se não o resto somente , esses falta pouco irão descaradamente dizer-vos de não cobrar-lhes porque e próprio do regime. Contudo, Deus disse que quem arrependesse será perdoado. Arrependa-se, precisamos de algumas virtudes suas. Queremos o exemplo dos países do Ocidente e América, aonde os Ex-Chefes de Estado são autênticos arquivos vivos. Atenção Precisamos de ti vivo contrariamente ao que lamentamos do Dr. Jonas Savimbi e Holden Roberto...


por: Kumbi de: .......
30.01.2013 19:37
Em Angola ninguem controla ninguem,os que roubam até sao recompensados com melhores cargos,nao ha mudança possivel que o JES possa fazer.e eles todos estao com pressa de roubar como quem diz,estou atrasado e isto esta ao fim.o dificil em angola é encontrar o governante honesto,e este é chamado de burro se encontrares um.Angola precisa de uma refundaçao,Angola é um pais fracassado apesar das propagandas do pais que mais cresce no mundo.todos sao ladroes.


por: Carlo Pires de: Paris
30.01.2013 14:24
El Ditador , o Pai Rouba e dá a Filha! e o povo sofrem...


por: O previsório dos tempos de: No canto de Africa
30.01.2013 11:54
Angola páis de muitos mistérios. Creia que algum dias as coisas terão estabilidade e clareza.E nosso país será aquela Angola que os nossos homens disseram no passado: Uma Angola pura onde os seus filho desfrutam dos seus bens e trabalham unido para um verdadeiro Desenvolvimento. E creia que o mundo se orgulhará de nós.
isto só se houver conpetencia na sua verdadeira insencia.


por: Pantera-Negra de: Luanda-Angola
30.01.2013 08:13
JESfraude, está completamente desnorteado e o seu Mpla está a deriva e por consequência disso, Angola está sem liderança.

Comments page of 2
    Próximo 

Siga-nos

Rádio

AudioAngola Fala Só: Ao Vivo I Mp3

Sexta 16:30 - 17:30 UTC
 

AudioEmissão Vespertina: Ao Vivo I Mp3

Seg-Sexta 17:00 - 18:30 UTC
 

AudioEmissão Vespertina: Ao Vivo I Mp3

Sáb-Dom 17:00 - 18:00 UTC

Os Nossos Vídeos

Your JavaScript is turned off or you have an old version of Adobe's Flash Player. Get the latest Flash player.
Manchetes Africanas 1 Agosto 2014i
X
01.08.2014 20:33
Os títulos que marcaram o início do mês de Agosto
Vídeo

Vídeo Manchetes Africanas 1 Agosto 2014

Os títulos que marcaram o início do mês de Agosto
Vídeo

Vídeo Ivan Collinson - Participante Yali

Ivan Collinson - Participante Yali. Veio de Moçambique e é director adjunto do registo académico da Universidade Eduardo Mondlane. Ivan sente-se mais africano depois de participar na Iniciativa Jovens Líderes Africanos nos EUA
Vídeo

Vídeo Manchetes Americanas 31 Julho 2014

Câmara dos Representantes indicia processo contra Presidente Barack Obama
Vídeo

Vídeo Manchetes Africanas 31Julho 2014

Da propagação do vírus do ébola, aos ataques do Boko Haram. Os títulos que marcam a actualidade de África
Vídeo

Vídeo Cadija Mané - Participante Yali

Cadija Mané - Participante Yali. Veio da Guiné-Bissau, onde trabalha como coordenadora da Casa dos Direitos. Regressa para a Guiné com mais determinação e força de vontade para mudar as coisas
Vídeo

Vídeo Vilma Nhambi - Participante Yali

Vilma Nhambi - Participante Yali. Veio de Moçambique e tem um projecto com mulheres e adolescentes nas zonas rurais.
Vídeo

Vídeo Selma Neves - Participante Yali

Selma Neves - Participante Yali, veio de Cabo Verde. É Presidente da Incubadora, uma cooperativa de empoderamento de mulheres e fica por mais dois meses para um estágio em Nova Iorque
Vídeo

Vídeo Manchetes Americanas 29 Julho 2014

Os principais assuntos que fazem a actualidade dos Estados Unidos da América, com Bruna Ladeira
Vídeo

Vídeo Majo Joseph - Participante Yali

Majo Joseph - Participante Yali veio de Moçambique e a sua área de acção é a sociedade civil e seu empoderamento
Vídeo

Vídeo Akiules Neto - Participante Yali

Akiules Neto - Participante Yali. Veio de Angola e a sua vida são os números
Mais Vídeos