quarta-feira, 23 abril, 2014. 17:31 UTC

Notícias / Angola

China disponibiliza mais de 60 milhões de dólares para obras sociais em Malanje

O governador de Malanje, Norberto Fernandes dos Santos “Kwata Kanawa, disse que as infra-estruturas vao ajudar as populações locais.

Governador de Malanje, Norberto Fernando dos Santos
Governador de Malanje, Norberto Fernando dos Santos
Tamanho das letras - +
Isaías Soares
O governo chinês disponibilizou mais de 60 milhões de dólares americanos para a execução de obras nos domínios da saúde e educação na província de Malanje, no âmbito da cooperação entre os dois países.

O director do Gabinete de Estudos e Planeamento do governo desta província, Rui Ramos, anunciou o facto, segunda-feira, no município de Kiwaba – Nzoje, 55 quilómetros a norte desta região, onde será erguido um hospital regional para atender habitantes de outros dois municípios: 

“Na globalidade esses projectos rondam a volta de 65 milhões de dólares, estamos a falar da construção de 10 escolas para o primeiro e segundo ciclos, quatro centros de saúde e um hospital, este no município de Kiwaba – Nzoje”, confirmou.

De acordo com Rui Ramos, “cada uma das escolas tem 12 salas de aulas, estão equipadas com campos de jogos, com outras infra-estruturas que permitem ter um projecto integrado e que facilite o enquadramento dos estudantes”.

O governador de Malanje, Norberto Fernandes dos Santos “Kwata Kanawa”, que procedeu ao lançamento da primeira pedra para a construção da infra-estrutura, disse que a mesma vai ajudar as populações daquelas circunscrições:

“É um benefício para a população, este benefício enquadra-se na cooperação entre o nosso país e a China que o Presidente da República iniciou logo que a guerra terminou e começaram-se a fazer este tipo de equipamentos no sentido de ir melhorando a vida das populações”, precisou, acrescentando:

“Com este hospital as populações não vão mais ter necessidade de ir para outras áreas”.

Dezoito meses é o tempo provável que vai durar a construção do Hospital Regional de Kiwaba – Nzoje, a cargo de uma construtora chinesa, no âmbito do Programa de Desenvolvimento Rural, Combate à Fome e Redução da Pobreza.
O forúm foi encerrado
Comentário
Comentários
     
por: sundu de: luanda
24.01.2013 20:25
Esse homem, um makisar q sabe ele sobre governanca? Angola recebe quotidianamente verbas sobre os produtos de venda de petroleo e diamantes, onde estao essas verbas pq?????? receber dinheiro dessas ''pulgas'' chinesas? Ai nossa Angola nunca nos libertaremos deles. Temos levar ao tribunal o ditador JES


por: Malaquias Kicanza de: Malanje
24.01.2013 14:01
Sr. Norberto Fernandes dos Santos “Kwata Kanawa” peço o favor de primazia a transportes públicos, emprego… educação, mais escolas, a água potável, continuamos a beber água das cacimbas isto é “poços” é uma realidade quase todos os bairros periféricos da Cidade de Malanje.

Siga-nos

Rádio

AudioAngola Fala Só: Ao Vivo I Mp3

Sexta 16:30 - 17:30 UTC
 

AudioEmissão Vespertina: Ao Vivo I Mp3

Seg-Sexta 17:00 - 18:30 UTC
 

AudioEmissão Vespertina: Ao Vivo I Mp3

Sáb-Dom 17:00 - 18:00 UTC

Os Nossos Vídeos

Your JavaScript is turned off or you have an old version of Adobe's Flash Player. Get the latest Flash player.
Manchetes Africanas 23 de Abrili
|| 0:00:00
...
 
🔇
X
23.04.2014 16:00
Mais Vídeos