quarta-feira, 22 outubro, 2014. 21:41 UTC

Notícias / Angola

Assassino chinês deve cumprir pena em Benguela, dizem advogados

Zhang Yang, que assassinou o cambista Pedro Chiwila em Benguela, foi condenado a 23 anos de prisão mas desapareceu entretanto da prisão local.

Sede da administração da cidade de Benguela
Sede da administração da cidade de Benguela
Manuel José
O grupo de advogados da associação “Mãos Livres” garante que o assassino do cambista de Benguela, Pedro Chiwila, o chinês Zhang Yang vai ter que aparecer para cumprir a sua pena de prisão em Benguela conforme decisão do tribunal provincial.

De acordo com o advogado “ Mãos Livres”, Salvador Freire em entrevista exclusiva a VOA, é um imperativo que o cidadão chinês cumpra a pena de 23 anos de cadeia, em território angolano:” Nós achamos que agora mais do que nunca, o próprio cidadão chinês deve cumprir a pena em Angola, se desapareceu milagrosamente, da mesma forma que desapareceu, deve ser recolhido para cumprir a pena em Angola”.



O causídico explica que não há nenhum acordo de extradição entre Angola e a China, daí o réu ter de cumprir a pena em Angola: “Não existe nenhum acordo de extradição entre Angola e a China, os cidadãos chineses que cometem crimes devem cumprir a pena cá em Angola”.

O advogado não tem dúvidas de que o responsável pelo desaparecimento do cidadão chinês de Benguela é o director dos serviços penitenciários da província que deveria, segundo ele, ter a mesma sorte de Zhang Yang: “temos informações de que alguém orientou que ele sumisse da cadeia, o director provincial dos serviços penitenciários que assim procedeu, é também um acto criminal, o próprio director dos serviços prisionais deverá responder também por um processo em Benguela”.
A fuga do preso deverá estar ligada ao facto do país ter ainda a conotação de corrupto, diz o advogado Freire.

O assunto está entretanto a mobilizar vários sectores da sociedade angolana. O cientista político Nélson Pestana Bonavena defende a efectivação da sentença do tribunal para que não abra precedentes: ”Vinte e três anos para o nosso ordenamento jurídico é uma pena pesada mas é igual a zero se o homem não ficar na cadeia, dar 23, podia dar 100, 200 anos se eu vou continuar em minha casa, dar um ou cem é a mesma coisa”.

Já o professor da Universidade Agostinho Neto, Jaka Jamba, exige que se esclareça em que condição se deu a fuga do cidadão chinês da prisão de Benguela:”Jaka Jamba :"É preciso que seja clarificado em que condições o cidadão chinês Zhang Yang desapareceu da cadeia”.
O forúm foi encerrado
Comentário
Comentários
     
por: Odalberto D. Casonatto de: Porto Alegre / RS
08.11.2012 08:27
Desaparece o assassino chinês Zhang Yang condenado a 23 anos de prisão, num golpe de mágica. Lendo está notícia parece que estou lendo um jornal brasileiro. É sempre a mesma enrolação. Certamente, nunca mais verão este chinês, sobrará apenas um consolo que este chinês não aparecerá mais livremente em Angola. Mas aparecerá por outros. A corrupção é um “Polvo” com muitos braços e que a geração atual de angolanos não verá a erradicação da corrupção na sociedade angolana.


por: Prof.Kiluange de: Manhattan-NYC
08.11.2012 02:36
Acaso já nos demos conta que raios de vendetas militam no nosso sistema judiciário?! Não restam dúvidas que estamos a lidar com “buccaneers”[piratas]disfarçados de "protetores da lei", quando na verdade são indivíduos destituídos dos mais ínfimos princípios das leis da natureza e moralidade, princípios morais à alma!... É perca de tempo “falarmos entre nós” sobre a justiça... seriedade do nosso sistema judicial enquanto o criminoso número 1 da República exerce o cargo de auto-proclamado Presidente e usufrui imunidades adjacentes `a essa função.As nossas instituições juridicas só serão capazes de cumprirem seus respectivos papéis se nenhum cidadão estiver acima da lei.Imaginem o que seria dos Estados Unidos se Alphonsus Gabriel Capone, mas conhecido por Al Capone, ou então Don Vito Corleone estivessem na casa branca? Ou pomos fim a essa pirataria juridica de uma vez por todas!, ou continuamos a ser escravos desse sistema – a escolha é nossa!


por: Anónimo
07.11.2012 18:55
O ASSASSINO CHINES DEVERIA SER SENTENCIADO A PENA DE PERPETUA SO PARA NAO LHE DAR A PENA DE ENFORCAMENTO . SE FOSSE NA CHINA ELE DEVERIA CONSIDERADO COMO UM RATO SUJO DO DESERTO E SERIA MANDADO NO INFERNO.

Siga-nos

Rádio

AudioAngola Fala Só: Ao Vivo I Mp3

Sexta 16:30 - 17:30 UTC
 

AudioEmissão Vespertina: Ao Vivo I Mp3

Seg-Sexta 17:00 - 18:30 UTC
 

AudioEmissão Vespertina: Ao Vivo I Mp3

Sáb-Dom 17:00 - 18:00 UTC

Os Nossos Vídeos

Your JavaScript is turned off or you have an old version of Adobe's Flash Player. Get the latest Flash player.
Mãe Trabalhadora - trailler do filmei
X
22.10.2014 18:29
O filme explora a dupla responsabilidade das mulheres moçambicanas, como mães e trabalhadoras. Gentilmente cedido pelo Organização Internacional do Trabalho
Vídeo

Vídeo Mãe Trabalhadora - trailler do filme

O filme explora a dupla responsabilidade das mulheres moçambicanas, como mães e trabalhadoras. Gentilmente cedido pelo Organização Internacional do Trabalho
Vídeo

Vídeo Manchetes Africanas 22 Outubro 2014

As noticias de Africa em imagens
Vídeo

Vídeo Ébola e os órfãos da Serra Leoa

Centenas de crianças ficaram órfãos na Serra Leoa devido ao surto do vírus do Ébola, são vítimas do estigma e da rejeição. Os familiares não querem saber deles. A Serra Leoa abriu o primeiro orfanato de vítimas do Ébola no distrito de Kailahun.
Vídeo

Vídeo Manchetes Africanas 21 Outubro 2014

As noticias de Africa em imagens
Vídeo

Vídeo Ébola: Um Poema para os Vivos

O filme da Chocolate Moose é uma animação desmistificando o Ébola, explicando a doença através do caso de um menino infectado. A VOA fez a dobragem do vídeo original na voz de Mayra de Lassalette. Saiba mais no link http://tinyurl.com/l7vgtjv
Vídeo

Vídeo Manchetes Africanas 17 Outubro 2014

As noticias de Africa em video
Vídeo

Vídeo Nascimentos na Libéria em tempos de Ébola

O hospital JFK na Libéria tinha encerrado a maternidade, devido ao Ébola, mas urge agora reabrir o serviço que já fez 93 partos desde que voltou a abrir
Vídeo

Vídeo Manchetes Africanas 15 Outubro 2014

As noticias de Africa em video
Mais Vídeos