Links de Acesso

Zimbabueanos vão às urnas quarta-feira

  • Simião Pongoane

As sondagens de opinião não são claras sobre qual dos dois candidatos poderá ganhar as eleições desta quarta-feira.

Os zimbabueanos vão as urnas quarta-feira para escolher o Presidente da República e 270 deputados ao novo parlamento contra o anterior que tinha 210 assentos.
Há cinco candidatos na corrida para o único lugar de Chefe do Estado.
Mas o Presidente cessante, Robert Mugabe, pela ZANU-PF, e o Primeiro-ministro, também cessante, Morgan Tsvangirai, pelo MDC-T, são considerados os principais candidatos.
As sondagens de opinião não são claras sobre quem dos dois poderá ganhar as eleições desta quarta-feira, dependendo da fonte da pesquisa.
Uma fonte reportada pelo jornal The Herald da vitória esmagadora ao idoso Presidente Robert Mugabe, no poder desde 1980 e a outra sondagem citada pelo jornal Daily News considera que Morgan Tsvangirai vai ganhar com 61 por cento.
Robert Mugabe defende a indigenizacao da economia e o empoderamento dos recursos, sobretudo a terra, pelos verdadeiros zimbabueanos.
O seu principal adversário, Morgan Tsvangirai, quer mudanças radicais na economia, politica e sociedade, dizendo que as políticas da ZANU-PF afundaram o Pais.
Nas ruas da cidade de Harare as opiniões estão igualmente divididas pelos dois principais candidatos.
Mas todos os zimbabueanos são unânimes em afirmar que desta vez o ambiente eleitoral e mais pacifico do que em 2008 e gostariam que a paz se mantenha mesmo depois do anuncio dos resultados das eleições desta Quarta-feira. Estao acreditados pelo menos 1.331 jornalistas, sendo 887 estrangeiros e 444 locais.
Há 11.781 observadores estrangeiros enviados por organizações regionais africanas e representantes de missões diplomáticas de vários paises incluindo da Europa Ocidental e dos Estados Unidos da America.
A SADC tem a maior missão, com 600 observadores, dos quais pelo menos 27 são moçambicanos chefiados pelo Ministro da Defesa Nacional, Filipe Nyusi.
As urnas abrem as 07 da manha e fecham as sete da noite. As projecoes poderão ser lançadas a partir da meia noite. O Mundo aguarda com expectativa pelo desfecho das eleições zimbabueanas que vão marcar o fim da partilha forcada do poder desde 2008 entre o Presidente Robert Mugabe e o líder do MDC-T, Morgan Tsvangirai.
XS
SM
MD
LG