Links de Acesso

Zimbabwe pede extradição do dentista americano acusado de matar o leão Cecil


Cecil em 2012

Cecil em 2012

O Ministro responsável pela fauna bravia do Zimbabwe diz que o seu país quer a extradição de Walter Palmer, cidadão norte-americano, acusado de matar um leão bem conhecido, que vivia numa reserva de vida selvagem.

Palmer, um dentista que vive em Eden Prairie, Minnesota, está escondido desde que surgiram as alegações de que ele matou o leão Cecil, no Zimbabwe, no início deste mês.

Os serviços americanos de pescas e vida selvagem anunciaram que iniciaram uma investigação sobre a morte do leão e que não conseguiram contactar Palmer. A agência pede a Palmer ou seu representante para contactar as autoridades imediatamente.

Enquanto isso, a Casa Branca disse que vai apreciar a petição pública de extraditar Palmer para o Zimbabwe.

O Porta-voz da Casa Branca, Josh Earnest, disse, na quinta-feira, que a petição ultrapassou as 100 mil assinaturas necessárias, e caberá ao Departamento de Justiça responder ao pedido de extradição.

XS
SM
MD
LG