Links de Acesso

Zandile Mzazi, da pacata Elliot aos grandes palcos da ópera

  • Redacção VOA

Zandile Mzazi

Zandile Mzazi

Em poucos anos de carreira, Zandile exibiu a sua voz soprano em variados palcos do mundo - Roma, Viena, Londres ou Nova Iorque.

Zandile Mzazi é uma jovem franzina de tem 32 anos. Nasceu no meio rural, concretamente em Elliot, no Cabo oriental, África do Sul.

O seu tamanho contrasta com a sua voz. Aliás, ela diz que está neste mundo para fazer barulho, diga-se agradável barulho.

Zandile conta que quando nasceu, conforme ouviu de sua mãe, chorou muito, a tal ponto que em todo o hospital chegaram a pensar que estava a ser maltratada.

A música entrou na sua vida durante a adolescência. Com as amigas, organizava competições de canto e julgava que seria cantora pop. Imitava cantoras como Whitney Houston e saia-se bem.

Mas as suas ligações familiares não permitiram que seguisse pelo caminho da música pop. A ópera não estava inicialmente na sua rota, mas tinha uma tia que interpretava sempre Messiah, de Handel e ela escutava.

Influenciada por essa tia, aos nove anos de idade Zandile abraçou a ópera.

E o resto é história em construção. Zandile ganhou vários concursos e teve uma bolsa de estudos da Universidade da Cidade do Cabo para o curso de música.

Em poucos anos de carreira, Zandile exibiu a sua voz soprano em variados palcos do mundo - Roma, Viena, Londres ou Nova Iorque.

Um dos melhores momentos foi lhe proporcionado pela legendária Montserrat Cabale, que a escolheu para participar num concerto na Itália, no ano passado.

Zandile Mzazi continua a viver na África do Sul, mas o ideal seria mudar para a Europa, onde as possibilidades de ópera são maiores.

Mostrar Comentários

XS
SM
MD
LG