Links de Acesso

Xuxuado escandaliza

  • Agostinho Gayeta

Criticos dizem que a moda degrada a mulher e icentiva ao crime sexual.

O seu uso é bastante criticado, mas rapidamente invadiu o mercado da moda em Angola. Destemidamente diversas jovens usam-no até mesmo em lugares e ambientes mais clássicos.


(Manuel Augusto apresenta)

O Collant Xuxuado é uma indumentária feminina que não passa despercebida. A vestimenta ajusta-se ao corpo de quem a usa e em geral é usada sem roupa interior, o que deixa completamente marcado os órgãos genitais femininos.

A indumentária usada maioritariamente por adolescentes e jovens já se tornou moda em Luanda. Nos últimos meses passou a ser comum a organização de eventos festivos a proposíto das roupas escandalosas.

Em algumas ruas e avenidas anuncios publicitários sobre festas como a do Tchuna Baby e mais recentemente a do Collant Xuxuado são muito comuns e as festas são muito concorridas.

Para a estudante universitária Arminda Kakulo o desrespeito aos modelos comportamentais configura falta de educação. Para ela o uso de Collant Xuxuado ou dos calções Tchuna Baby representa um choque à cultura angolana.

Para quem usa o Collant Xuxuado e os calções Tchuna Baby a satisfação consiste no elogio que recebe dos jovens e no despertar da atenção de quem a vê.

O Educador Social João Baptista diz que o uso deste tipo de vestimenta representa uma degração moral e um atentado ao pudor que já devia merecer a intervenção dos Ministérios da Justiça e dos Direitos Humanos, do Interior e como se não bastasse da Educação.

As vestimentas que expõem as partes íntimas do corpo colocam a integridade das mulheres em risco sendo um convite para prática de crimes contra elas mesmas.

Para o especialista em Educação Moral e Cívica Osvaldo Politano o uso do Tchuna baby e do Collant Xuxuado fere a moral pública. O académico afirma por outro lado que se trata de um problema conjuntural, que vai desde a degradação dos valores morias no seio familiar aos órgãos de comunicação social estatais onde são promovidos eventos festivos que incentivam o uso deste tipo de vestimenta.

Alguns afirmam que seguir a moda em si mesma nada tem de mal, antes pelo contrário configura um estimulo á criatividade nas diversas formas de usar e de confeccionar um vestuário que em muitos casos expressa a auto-estima. Para o Padre Eugénio Lumingo o problema surge quando em nome da moda as pessoas se expõe ao escandaloso. Para o sacerdote os meios de comunicação devem estar ao serviço da educação da sociedade, não apenas para o entretenimento.

O Jurista M`bote André diz que esta forma de se vestir não configura um crime de ultraje público,mas pode influenciar o cometimento de um crime.

O Jurista pensa por outro lado que a igreja tem um papel fundamental a desempenhar a propósito do uso de vestimentas escandalosas.

Mostrar Comentários

XS
SM
MD
LG